Plantão Policial

Estudante morre em acidente envolvendo cinco veículos em rodovia

FOTO: THIAGO AUGUSTO

Um grave acidente foi registrado na noite de sexta-feira (31) na rodovia Elyeser Montenegro Magalhães (SP-463), em Araçatuba. A batida envolveu cinco veículos e um cavalo. O estudante João Victor Christofano Oliveira, de apenas 18 anos de idade, não resistiu aos ferimentos e morreu.

 

De acordo com informações do boletim de ocorrência, o acidente ocorreu por volta das 23h30, no quilômetro 42 da rodovia. A batida teria sido ocasionada por conta do cavalo solto na pista. Existe a suspeita de que Oliveira, que conduzia uma motocicleta Honda/CG 125 Fan tenha atropelado o animal e caído em seguida na pista. Um sexto veículo estaria envolvido no acidente, mas o motorista fugiu sem prestar socorro e antes das equipes policiais.

 

Após o ocorrido, um estudante de 20 anos seguia pelo mesmo sentido com um automóvel GM/Corsa. Ele não conseguiu frear a tempo e acabou atropelando o jovem caído. Na sequência, o carro VW/Gol conduzido por uma jovem de 20 anos, se aproximou e conseguiu frear, mas o outro GM/Corsa, dirigido por um frentista de 23 anos, não avistou o acidente e colidiu na traseira do Gol. Por fim, uma VW/Saveiro, pertencente a um idoso de 66 anos, também colidiu nos outros veículos e capotou em seguida. Todos os envolvidos, com exceção do motociclista, tiveram ferimentos leves.

 

Oliveira foi socorrido por uma unidade do Resgate, do Corpo de Bombeiros, e chegou já sem vida no pronto-socorro da Santa Casa. O corpo dele foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal), onde passou por exame necroscópico.

 

Policiais rodoviários se deslocaram até o quilômetro onde as batidas aconteceram e sinalizaram a área, pelo alto risco de novos acidentes. A pista chegou a ficar interditada completamente até que a perícia realizasse o trabalho. O equino morreu no local. Durante o registro da ocorrência, os PMs descobriram que o idoso e o frentista estavam dirigindo sob influência de álcool. Eles foram autuados administrativamente.

 

A Polícia Civil de Araçatuba registrou o caso como omissão na guarda de animais, já que o proprietário do cavalo não foi encontrado, lesão corporal na direção de veículo automotor, fuga de local de acidente e homicídio culposo, ou seja, aquele que não há a intenção de provocar a morte. Um inquérito será aberto pelo quarto distrito policial do município que deverá dar andamento às investigações.

 

Comment here