14.2 C
Araçatuba
terça-feira, maio 17, 2022

ASSISTÊNCIA SOCIAL LANÇA CAMPANHA PARA DESESTIMULAR DOAÇÃO DE ESMOLA

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Três Lagoas, por meio da equipe do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua – Centro Pop – Abordagem Social, lançou oficialmente a campanha “Esmola? Deixa Pra Lá”. O lançamento foi na quarta-feira (22) e contou com a presença do prefeito de Três Lagoas, Angelo Guerreiro, secretária de Assistência Social, Vera Helena Arsioli Pinho, vereadores, representantes de outras secretarias e de entidades da sociedade.

“Temos fama de gente boa e realmente a população de Três Lagoas é solidária, sensível e sempre ajuda a quem precisa”, comentou a secretária Vera Helena.

“No entanto, ao ajudarmos com esmola e outros tipos de doações, acabamos prejudicando o trabalho social que existe em Três Lagoas, com o objetivo do resgate da cidadania e recuperação social e familiar das pessoas”, disse a secretária.

“No lugar de darmos esmola, a campanha visa despertar nas pessoas “a responsabilidade de partilharmos a responsabilidade de encaminharmos quem precisa aos adequados locais de atendimento, como Centro Pop e outras unidades de Assistência Social que Três Lagoas possui”, comentou Vera Helena.

“Precisamos informar e mostrar às pessoas que em Três Lagoas a Assistência Social possui um trabalho forte, organizado e eficiente, com equipes altamente capacitadas para ajudar a quem realmente precisa”, concluiu Vera Helena.

“Todos estão de parabéns e podem contar com todo o meu apoio nesta importante ação de resgate da cidadania e ajuda certa às pessoas que precisam”, disse o prefeito Angelo Guerreiro.

No lançamento da campanha, junto com a apresentação de todo o material de divulgação da mensagem que deverá ser transmitida, por meio de camisetas, panfletos e adesivos, houve também depoimentos de ex-usuários de drogas que apelavam para o pedido de esmolas para alimentarem “seus vícios e dependências”.

AÇÕES DE MOBILIZAÇÃO
Durante a campanha “Esmola? Deixa Pra Lá”, serão discutidas e propostas alternativas de ajuda àquelas pessoas que não têm onde morar, pessoas em situação de rua e aos moradores de rua.

Entre as variadas ações da campanha, consta a realização de oficinas de conhecimento e discussão dessa temática nas Escolas Estaduais, envolvendo estudantes adolescentes e jovens, como multiplicadores de novas e diferentes propostas de ajuda.

Ainda durante a campanha, haverá ampla panfletagem de conscientização, incluindo um “Dia D” de intensa mobilização nos principais pontos de circulação de pessoas e veículos da área urbana, ou seja, nos principais semáforos.

O denominado “Dia D”, com intensificação da panfletagem, será nesta sexta-feira (24), no período das 7h às 10h, com as equipes partindo da Praça Senador Ramez Tebet, no Centro, em direção aos pontos de panfletagem.

Da Redação

Ultimas Noticias