Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS
O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) deu início na última quinta-feira (16), aos lances do primeiro leilão de veículos para circulação do ano. No total, são 403 lotes de veículos, sendo 310 motocicletas e 93 automóveis.
O certame será online, realizado pelo portal http://www.canaldeleiloes.com.br. A captação de lances terá início às 10h do dia 16 de janeiro com encerramento previsto para às 15h do dia 30 de janeiro. Conforme a publicação, serão leiloados veículos para circulação, ou seja, considerados conservados, recolhidos no pátio do leiloeiro credenciado junto ao Departamento.
Para o coordenador da Comissão de Leilão do Detran-MS, Diego Fernando Arruda Soares, a expectativa para 2020 é liquidar totalmente o passivo de veículos com mais de 90 dias de pátio em todo o Estado. “Estão previstos cerca de 18 leilões este ano”, comenta.
Diego explica que no ano passado, foram adiados três leilões no mês de dezembro, devido a necessidade de uma regulação específica para a destinação final de sucatas inservíveis, a qual foi publicada a portaria 66/2019/Detran-MS em 14/01/2020. “Agora, com essa regulamentação e reativando os leilões suspensos, mais 8.423 veículos serão leiloados já no mês de fevereiro”, concluiu.
O período de visitação está previsto para ocorrer entre os dias 20 e 24 de janeiro, no pátio do leiloeiro Pierre Adri, localizado na Av. Gury Marques, 7155, das 8h às 11h e das 13h30 às 16h30.
De acordo com as regras do leilão, não podem participar do certame, servidores do Detran-MS e seus parentes até segundo grau, cônjuge e companheiros, o leiloeiro e seus parentes, ou membros de sua equipe de trabalho, aqueles que sejam prestadores de serviço do Departamento, pessoas menores de 18 anos ou declaradas inidôneas.

Compartilhe esta notícia!
Mostrar mais
Carregar mais em Cidades

Veja também

Indicadores sobre serviços públicos passam a ser abertos a cidadãos

Compartilhe esta notícia!Wellton Máximo/ABr – Brasília Quantos servidores existem na…