Compartilhe esta notícia!

Na manhã desta terça (4), o vereador André Bittencourt esclareceu seu Projeto de Lei nº48 “Permite ao Samu e ao corpo de Bombeiros deslocarem pacientes para hospital particulares localizados no município”. O presidente da Câmara, explica que o objetivo é desafogar o SUS e ser opcional ao paciente que já tem plano de saúde ser atendido no hospital particular.
Atualmente, o SAMU direciona todos pacientes para redes de atendimento público (UPA ou hospitais públicos), até mesmo aqueles que possuem plano de saúde e poderiam ser atendidos em hospitais particulares pois as redes privadas também dispõem de atendimentos de emergência. “Esse projeto visa que a pessoa opte o atendimento no hospital público ou particular, visa o desafogar o atendimento público e com isso, também, melhorar a saúde de Três Lagoas.” completa o vereador.
Ressalte-se um dos artigos desse Projeto de Lei: “Art 4º Para cumprimento desta lei, o paciente deverá estar portando o documento que comprove o convênio com a instituição (carteirinha).” Ou seja, se o paciente estiver portando a carteirinha do convênio e em plena condição de responder por si e optar o atendimento no hospital privado, o Samu deslocará ele até o local, se o paciente não estiver em condições a família ou representante legal poderá fazer a opção.
“Temos que olhar os modelos que dão certo e trazer para nosso município, as pessoas que querem ser atendidas nos hospitais particulares e já possuem plano de saúde, elas também precisam de um translado, e esse Projeto de Lei visa essa melhoria, para que seja possível fazer esse translado.” finalizou o vereador André Bittencourt.

DA REDAÇÃO
Três Lagoas


Compartilhe esta notícia!
Mostrar mais
Carregar mais em Três Lagoas

Veja também

Saúde tem horário especial de atendimento nas festas de Natal e Ano Novo

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de…