Três Lagoas

Saúde divulga resultado parcial da vacinação e cobertura chega a 16%

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, por meio da Coordenação do Setor de Imunização, informa que, da população estimada de 25.430 pessoas, incluídas nos grupos prioritários de risco das que precisam ser imunizadas contra a Gripe Influenza A, apenas 4.119 doses da vacina foram aplicadas. Esse resultado parcial corresponde a 16,2% do total da meta de cobertura da vacinação. Em Três Lagoas foi confirmada uma morte por H1N1 e há outros pacientes em tratamento.
Os dados são referentes ao levantamento inicial da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, oficialmente lançada em todo o Brasil, no dia 10 de abril e que deverá estender-se até 31 de maio.
Na primeira etapa da Campanha foi priorizado o atendimento ao grupo de risco, constituído por crianças de seis meses a seis anos incompletos e gestantes de qualquer tempo de gravidez.
Na segunda etapa, iniciada no dia 22, além das gestantes e crianças, a vacina passou também a estar disponível para as demais pessoas de outros grupos de risco, ou seja, idosos e idosas acima de 60 anos; profissionais da Saúde, mediante a comprovação da respectiva função; as puérperas, que são as mulheres que deram à luz recentemente, ou seja, até 45 dias após o parto; doentes crônicos, com apresentação obrigatória de receita médica; professores e professoras que trabalham em sala de aula na Educação pública e particular, também mediante apresentação de comprovação funcional, por meio de holerite ou crachá; e adolescentes e jovens, de 12 a 21 anos, em cumprimento de medidas sócio educativas em UNEI – Unidade Educacional de Internação.

CRIANÇAS
Conforme dados divulgados nesta segunda feira (29), das 9.020 crianças dessa faixa etária e que precisam ser imunizadas contra a Gripe, apenas 2.862 foram vacinadas, o equivalente a 31,73% da meta.
Quanto às pessoas idosas, acima de 60 anos, uma população estimada de 10.406 pessoas, apenas 704 idosos foram vacinados até agora, o que representa 6,77% do estimado.
Fazem ainda parte dos grupos de risco: Trabalhadores da Saúde (3.153), vacinados 508, ou seja, (16,11%); Professores e professoras (1.190) e apenas 37 receberam a vacina (3,11%); do estimado de Gestantes (1.427), 241 doses foram aplicadas (16,89%); e das 234 puérperas (que deram à luz até há 45 dias), 51 mulheres foram imunizadas (21,79%).
A vacina continua disponível nas unidades de atenção básica de saúde, os conhecidos postos dos bairros, ou seja, nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF), unidades de Estratégia de Agentes Comunitários de Saúde (EACS), Unidades Básicas de Saúde (UBS) e também na sala de vacinas do Setor de Imunização, no Centro de Especialidades Médicas (CEM).

DIA DE MOBILIZAÇÃO
NACIONAL – DIA “D”
O denominado “Dia D”, de mobilização nacional da campanha está marcado para o primeiro sábado do mês de maio, dia 04, em todo o Brasil, das 8h às 17h.
No “Dia D”, equipes de Vacinação estarão em todas as Unidades Básicas de Saúde e na sala de Vacinas do CEM, atendendo a todas as pessoas dos grupos prioritários, ou seja, gestantes, crianças e idosos, profissionais da saúde e da educação e doentes crônicos, que não foram vacinados nas datas a eles reservadas.
Além dessas equipes fixas, no “DIA D” também haverá “postos móveis” de vacinação no recinto da Feira Livre, na Avenida Rosário Congro, no Centro, das 6h às 11h; e na Clínica do Idoso, na Rua José Sebastião de Souza, número 830, Bairro Nossa Senhora Aparecida.
Aproveitando a oportunidade do “Dia D”, as equipes de vacinação da SMS de Três Lagoas estarão também realizando a atualização das Carteiras de Vacina de Gestantes e Crianças .

DA REDAÇÃO
Três Lagoas

 

Comment here