Três Lagoas

Jovens empreendedores iniciam Programa “Primeira Empresa”

Iniciou nesta terça-feira (19), no Senac, o Programa “Primeira Empresa”, projeto da Associação dos Jovens Empreendedores de Mato Grosso do Sul (AJE/MS), com o apoio do Governo do Estado do Mato Grosso do Sul e Prefeitura de Três Lagoas, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sedect).

Cerca de 100 alunos participarão do curso que tem o objetivo de desenvolver habilidades empresariais, aprimorar técnicas e ferramentas de gestão, e potencializar o “network” em rede, incentivando a livre iniciativa e concorrência, por meio da formalização e/ou fortalecimento de pequenos negócios, bem como a criação de novos empreendimentos, por meio do planejamento, acompanhamento técnico e encontros periódicos, proporcionando, aos potenciais empreendedores, condições mais competitivas de inserção no mercado, a promoção do desenvolvimento local.

O presidente da Associação dos Jovens Empreendedores de MS (AJE/MS), Sullivan Vareiro, deu as boas vindas aos alunos e os parabenizou por buscarem aperfeiçoamento na área em que atuam.

“Conhecimento é muito importante quando buscamos empreender. Precisamos sempre lembrar que quando lutamos pela realização do nosso sonho estamos ajudando também outras pessoas com a oportunidade que daremos a ela por meio do nosso empreendimento. A capacitação é uma ferramenta muito importante para o sucesso da nossa empresa e que bom que vocês estão aqui hoje buscando isso”, disse.

Para o casal de empresários Daniele Leão (19) e Cleiton Gonçalves (24), da JC Representação Comercial de Laticínio, “o curso será importante para buscar conhecimento para a nossa empresa. Meu esposo e eu estamos animados com esta oportunidade que nos ajudará muito neste começo”, disseram.

PROGRAMA
Criado em 2013 em Goiânia, o programa já alcançou mais de 4 mil empreendedores, e por conta do seu sucesso, passou a integrar os projetos da Confederação Nacional dos Jovens Empresários (CONAJE), com a proposta de ampliá-lo, levando benefícios e capacitação aos jovens empreendedores de todo o Brasil.

O “Primeira Empresa” é composto por dois módulos, sendo que o segundo “Gestão da Primeira Empresa e Plano de Negócios”, será ofertado apenas para os 60% dos participantes melhores classificados no Módulo I “Iniciação ao Empreendedorismo”, que obedecerá a ordem de classificação em avaliação objetiva a ser aplicada na fase anterior, limitado ao número de vagas.

O curso de iniciação ao empreendedorismo será oferecido durante três dias por período de quatro horas/dia. Nesta etapa, os selecionados para a primeira turma vão receber orientações, com aulas expositivas sobre definição, princípios e objetivos de empreendedorismo, atributos do empreendedor e procedimentos legais para abertura da empresa.

Da Redação

Comment here