RECURSOS - Tributos pagos no pedágio revertem em benefícios para as populações das cidades lindeiras

Triunfo Transbrasiliana repassou mais de R$ 6,5 milhões em imposto sobre serviços

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – LINS

Com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento socioeconômico das comunidades onde está inserida, a Triunfo Transbrasiliana, Concessionária que administra a BR-153/SP, realiza o repasse do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza – ISSQN, para os 22 municípios lindeiros, que ficam no entorno da rodovia. Na região de Lins são beneficiados os municípios de Promissão, Guaiçara, Lins, Getulina e Guimbê. Veja no infográfico abaixo o valor recebido  pelos municípios da região.

Em 2020, entre janeiro e dezembro, a Concessionária repassou o total de R$ 6.540.262,29 de impostos às cidades lindeiras. O repasse segue a Lei Complementar nº 116 de 2003, que estabelece o pagamento do tributo sobre a arrecadação as gestões municipais que podem investir em saúde, educação ou infraestrutura. Para determinar o valor destinado a cada cidade, é realizado um cálculo com base na quilometragem do município cortado pela BR-153/SP, independentemente da existência ou não de praça de pedágio, de acordo com o que determina o contrato de concessão.

 

Municípios lindeiros

Municípios lindeiros são aquelas cidades que fazem limites com a BR-153/SP.  São eles: Icém, Nova Granada, Onda Verde, São José do Rio Preto, Bady Bassitt, Mirassol, Jaci, José Bonifácio, Ubarana, Promissão, Guaiçara, Lins, Getulina, Guaimbê, Marília, Vera Cruz, Ocauçu, Campos Novos Paulista, São Pedro do Turvo, Ribeirão do Sul, Salto Grande e Ourinhos.

 

 

Sustentabilidade

A Triunfo Transbrasiliana faz parte da Rede Brasil do Pacto Global, iniciativa que engaja o setor empresarial em ações voltadas ao alcance dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e se mantém disposta a estabelecer relações transparentes e éticas com as comunidades em que está inserida, por meio do diálogo aberto e do envolvimento com iniciativas de interesse da população local. Respeitada sua condição de ente privado, procura agir de forma articulada com o poder público e a comunidade para fomentar a melhoria da qualidade de vida nas regiões onde atua.

 

DCIM100MEDIADJI_0007.JPG
DCIM100MEDIADJI_0221.JPG

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Universitária de Lins viaja mais de 2 mil quilômetros para doar medula

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – LINS O Fevereiro Laranja foi instituído no Estado de São …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *