ATUAÇÃO - Vereador Roy Nelson apresentou requerimento pedindo a criação da região de Lins

Estado confirma audiência pública para criação da microrregião de Lins

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

O governo do estado de São Paulo confirmou que haverá audiência pública para a criação da microrregião de Lins. A proposta faz parte da nova divisão do estado em 36 regiões entre metropolitanas, aglomerados urbanos e microrregiões. Não foi informado pelo estado a data do encontro e nem quais municípios farão parte da microrregião de Lins.

A resposta foi dada via e-mail após questionamento do jornal O LIBERAL REGIONAL com relação à nova divisão do estado. Na semana retrasada, o governo do estado realizou audiência pública para a criação do aglomerado urbano de Araçatuba, além de ter mandado para tramitação na Assembleia Legislativa o projeto para criação da região metropolitana de São José do Rio Preto.

Já na última semana, foi feita audiência pública para a criação do aglomerado urbano dos Grandes Lagos, que envolve as cidades de Votuporanga, Fernandópolis, Jales, dentre outras.

Ao perguntar ao estado sobre os municípios que estarão presentes na nova microrregião de Lins, o governo do estado respondeu apenas que está programa uma audiência pública para o município, onde possivelmente serão apresentados detalhes sobre o projeto.

Outras audiências que ocorrerão são das regiões Mogiana, Presidente Venceslau, Assis, Avaré, Itapeva, Botucatu, Jaú, Catanduva, Araraquara, Bragança Paulista, Ourinhos, Penápolis e Jales para se tornarem microrregiões.

Pedido de vereador

Conforme o jornal O LIBERAL REGIONAL já havia noticiado, o vereador Roy Nelson já havia apresentado requerimento que foi encaminhado ao governo João Dória para a criação da região administrativa de Lins.

O vereador Roy Nelson havia justificado o pedido explicando que Lins já é visto como sede de região, por estar distante de Bauru, sede da região administrativa da qual pertence hoje.

“Entendemos que Lins, que já é sede de uma microrregião e está distante de Bauru, deve ser elevada a região administrativa. Trata-se de um importante centro educacional, além de se dotada de completa infraestrutura”, disse Roy Nelson.

Ele frisa também que deve ser considerado o aspecto geográfico, já que a cidade é servida por duas importantes rodovias: a SP 310 (Marechal Rondon), que dá acesso a Mato Grosso do Sul e a BR 153 (Rodovia Transbrasiliana), que interliga. “Além disso temos na nossa região a SP 333 (Leonor Mendes de Barros), que interliga importantes regiões paulistas”, disse o vereador.

AUDIÊNCIA – Na última sexta-feira, audiência foi realizada em Votuporanga para criação de aglomerado urbano

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Araçatuba registra 100 novos casos e tem diminuição de ocupação em UTI

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA Araçatuba teve 7 mortes e mais 100 novos casos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *