Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – LINS

A garotinha Ketlyn de Aguiar Brito, de 11 anos, morreu após ser picada por um escorpião em sua residência, localizada à rua Joaquim Nabuco, bairro São João, em Lins (SP). O acidente aconteceu na madrugada de domingo (16). A menina fpoi socorrida, mas morreu na madrugada dessa terça-feira (18), na UTI Pediátrica do Hospital Estadual de Bauru.

Segundo informações do pai da garota, ele estava trabalhando e, por volta da 1h, a criança acordou assustada e foi até o quarto dos pais, onde estavam dormindo a mãe e o irmão de 2 anos. Ao retornar ao seu quarto para buscar um cobertor para dormir com a mãe, havia um escorpião ao lado da cama.

Ketlyn não teria percebido e acabou pisando no animal, sendo picada. A menina correu para o quarto da mãe e contou que havia sido picada por algum bicho. Com isso, a mulher foi até o local e encontrou o escorpião.

A criança foi socorrida à Santa Casa de Lins, porém diante da gravidade, precisou ser transferida para o Hospital Estadual de Bauru. Mesmo com os cuidados, o quadro agravou-se e a menina morreu.

“Ressaltamos que os acidentes com animais peçonhentos (escorpião) podem apresentar-se de forma leve a grave e o atendimento deve ser imediato, sendo a Santa Casa referência para os municípios de Lins e região como ponto estratégico para aplicação de soro no caso de acidentes com animais peçonhentos. No município de Lins foi registrado no ano de 2020, 45 acidentes com escorpião e infelizmente um óbito”, diz nota da Secretaria da Saúde. (William Abdalla)


Compartilhe esta notícia!