Home Cidades Homem que atropelou e matou policial rodoviário está preso na região de Lins

Homem que atropelou e matou policial rodoviário está preso na região de Lins

4 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – LINS

Depois de quatro dias de trabalho em Três Lagoas (MS), a equipe da Polícia Civil de Lins retornou à cidade no início da tarde dessa quinta-feira conduzindo preso Higor Santos Soares, 21 anos, que confessou ter atropelado o policial militar rodoviário Hércules Demétrio Pereira, de 45 anos. O atropelamento foi na tarde do dia 28 de abril deste ano. Demétrio, que era cabo do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR), morreu horas depois devido à gravidade dos ferimentos. Na Parati, que era conduzida por Higor Soares, e foi abandonada pouco tempo depois, os policiais apreenderam mais de 300 quilos de maconha, O mandado de prisão preventiva de Higor Santos Soares foi expedido pela 1ª Vara Criminal de Lins.

O trabalho de investigação da Polícia Civil começou logo depois do crime e foram usados todos os recursos disponíveis, desde trabalho de campo ao trabalho de inteligência policial. Após identificarem o autor do crime, a equipe deslocou-se para Três Lagoas e com apoio de policiais locais, deram continuidade ao trabalho, que resultou na prisão de Higor Soares, na Vila Alegre, em Três Lagoas. Depois da prisão foram cumpridos mais três mandados de busca e apreensão.

A Equipe policial de Lins, liderada pelo delegado Wanderley Gonçalves e composta pelos investigadores, Lucas Piovesan, Thiago Arioli, Rafael e Pedro, conduzido Higor Soares, chegou à cidade no início da tarde. Após o cumprimento das formalidades legais, Higor foi levado para uma unidade prisional da região, ficando à disposição da Justiça.

 

O CRIME

Na tarde do dia 28 de abril, por volta das 17h, dois policiais rodoviários do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR) de Araçatuba (SP) foram atropelados no km 454 da rodovia Marechal Rondon (SP-300), próximo a Usina Renuka, em Guaiçara SP). Os policiais realizavam fiscalização de rotina e, ao darem ordem de parada ao automóvel Parati com placas FBM-0466 (Leme-SP), o motorista não obedeceu e atropelou os dois policiais. O subtenente Fausto Benedito dos Santos sofreu escoriações. Já o cabo Hércules Demétrio Pereira foi socorrido até a Santa Casa de Lins, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

O motorista da Parati abandonou o veículo no trevo que liga a Marechal Rondon com a cidade de Guaiçara, fugindo a pé no meio de canaviais.

Durante revista no veículo, os policiais localizaram mais de 300 kg de maconha. (Com informações de William Abdalla)

A7 POLÍCIA LINS TRÊS LAGOAS


Compartilhe esta notícia!