DEFINIDO - Os partidos políticos já estão se organizando para nova disputa de prefeito

Nova eleição em Piacatu será dia 7 de março

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

Em dezembro do ano passado o Tribunal Superior Eleitoral determinou a realização de nova eleição no município de Piacatu, já que o candidato mais votado no pleito de 15 de novembro, Euclásio Garruti, teve o pedido de registro de candidatura indeferido. No dia 18 (segunda-feira), o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo marcou eleição suplementar para mais seis municípios, entre os quais Piacatu. A eleição foi marcada para o dia 7 de março. Além de ´Piacatu terá eleição em Apiaí, Campina do Monte Alegre, Itaoca, Leme e Santo Antônio do Jardim. Antes, ainda no mês de dezembro, já havia sido aprovada a organização de nova eleição em Trabiju

Em todas as cidades, a exemplo de Piacatu, ocorreu indeferimento do registro de candidato do primeiro colocado nas eleições municipais de 15 de novembro de 2020. Foram os casos de: Donizetti Barbosa (PSD-Apiaí), José Benedito Ferreira (PSDB-Campina do Monte Alegre), Frederico Dias Batista (PL- Itaoca), Wagão (PSD- Leme) e Osvaldo Moreira (PODE-Santo Antônio do Jardim).

Todos os pleitos são regulamentados pela Resolução 520/2020 do Tribunal, que aponta como prazo de convenções partidárias entre 28 de janeiro e 2 de fevereiro, o de registro de candidaturas até 5 de fevereiro e o de propaganda eleitoral a partir do dia 6. Já a diplomação dos eleitos deve ocorrer até 9 de abril. A posse ocorrerá longo em seguida.

 

PIACATU

O então prefeito Euclásio Garrutti (Democratas), que foi candidato à reeleição, obteve 2.458 votos (pouco mais de 72%), mas foi barrado pela Justiça com base na ei da Ficha Limpa.

Euclásio Garrutti, que buscava seu quinto mandato (o segundo consecutivo), teve o pedido de registro indeferido pelo juiz de primeira instância. A mesma decisão foi mantida pelo Tribunal Regional Eleitoral, que em decisão do dia 2 de dezembro, rejeitou também os embargos de declaração. Depois, o TSE manteve a decisão do TRE.

ELEIÇÃO

Garrutti teve 2.458 votos (72,72%), vencendo Markinho do Mazão (Podemos), que ficou em segundo lugar com 27,28% (922 votos). A eleição em Piacatu teve 19,64% de abstenção, 1,98% votos brancos e 6,45% votos nulos.

 

 

 

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Temporada de pesca começa com alto índice de conscientização ambiental

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS A temporada de pesca esportiva e profissional nos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *