Home Cidades Araçatuba Após seis meses, setor de festas de casamento começa a demonstrar recuperação

Após seis meses, setor de festas de casamento começa a demonstrar recuperação

5 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

VÍTOR MORETTI – ARAÇATUBA

A pandemia de coronavírus também atingiu em – araçatuba cheio um setor que nunca passou por uma crise como essa, a de eventos e de pessoas ligadas a bufê. Mas, depois de seis meses totalmente parado, o segmento começa a dar os primeiros sinais de recuperação com festas menores, mais elegantes e econômicas, porém com a mesma qualidade. Pensando na retomada da confiança dos clientes, um buffet de Araçatuba inovou e lançou inscrições para um evento em que noivos e noivas possam entender melhor o contexto atual e já prever o tão sonhado casamento a partir do ano que vem.

O idealizador da ideia foi o empresário André Luiz Saes de Paula, proprietário do ‘André Saes Buffet’. Com a ajuda de diversos parceiros, ele e sua equipe irão realizar no dia 28 de novembro o evento ‘Casamento: sonho possível’. A festa será bem parecida com a de um casamento, mas o diferencial é que 50 casais poderão se inscrever e participar para tirar dúvidas a respeito do cenário atual. Muitos desses cancelaram ou alteraram a data festiva por causa da pandemia.

“A estrutura será de uma festa, com todos os segmentos: decoração, música, buffet, cerimonialista, fotógrafo, enfim, para demonstrar aos noivos que já estamos retornando os trabalhos depois de seis meses parados”, disse em entrevista ao O LIBERAL.

O evento está previsto para acontecer das 14h às 22h, justamente para evitar aglomerações. Os casais interessados serão atendidos com horário marcado. Haverá ainda a obrigatoriedade do uso de máscaras e o uso de álcool em gel. As inscrições estão sendo recebidas pelas redes sociais do buffet. O casal interessado deve preencher um formulário de forma gratuita.

“Os noivos querem oficializar o casamento mais do que nunca, porém o ‘novo normal’ se sobrepõe. Por isso, uma festa antes com mais de 200 pessoas se resume a algo mais familiar, com cerca de 60 convidados. É possível fazer esse sonho valer e nesse evento, os inscritos já podem sair com tudo fechado e até mesmo com descontos”.

Essa foi uma forma encontrada pelo empresário de até ajudar casais que tiveram o sonho em se casar prejudicado por causa da pandemia de coronavírus. Com um preço mais em conta, a festa de casamento pode ficar ao alcance daqueles casais que se prepararam durante todo esse tempo e não veem a hora de dizer o tão esperado ‘sim’.

“As mudanças foram tantas que as lembrancinhas hoje escolhidas pelos noivos aos convidados são máscaras em álcool em gel”, concluiu o empresário.

FASE AMARELA

Nesse sábado (10), passou a valer um novo decreto municipal em Araçatuba por conta da permanência da região na fase amarela do Plano São Paulo de Flexibilização. No caso dos eventos, convenções e atividades culturais, o funcionamento permitido é de até dez horas com capacidade de 40%, distanciamento social e outros protocolos de higiene pessoal.


Compartilhe esta notícia!