Home Cidades Araçatuba Imóveis na região de Araçatuba rendem mais de meio milhão de reais ao estado

Imóveis na região de Araçatuba rendem mais de meio milhão de reais ao estado

5 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES

Os imóveis localizados na região de Araçatuba que foram colocados a venda pelo Governo de São Paulo foram arrematados nos eventos online que ocorreram no final de do mês de setembro. Nos dias 29 e 30 de setembro, o governo paulista colocou 38 imóveis à venda e negociou, ao todo, 24 deles, sendo dois deles na região: um em Araçatuba e outro em General Salgado. O estado arrecadou R$ 558 mil com ambos e pretende usar o valor em questões de saúde, segurança pública e educação.

Em Araçatuba o imóvel arrematado fica na rua Governador Pedro de Toledo, no número 303, na Vila Bandeirantes. O imóvel residencial, localizado na esquina com a rua Torres Homem, foi vendido por R$ 275 mil. O espaço possui 303,40 metros quadrados de área construída em um terreno de 325 m².

Já o imóvel vendido em General Salgado foi arrematado por R$ 283 mil. O local possui um imóvel comercial que fica em um terreno de 2.200 metros quadrados, com área construída de 423,05 m². Fica na avenida José Luís Marques Neto s/nº, esquina com a rua Vicente Rodrigues Mendonça, na área central do município.

Havia um imóvel disponível para leilão em Lins, localizado na rua Guarantã, 250, no bairro Vila Alta, mas que não foi arrematado. O imóvel é residencial e possui 311,43 metros quadrados de área construída e um terreno de 585 m². O local está avaliado em R$ 340 mil.

Ao todo, estado arrecadou R$ 73,7 milhões com a venda dos 24 imóveis. São 8 na Capital Paulista, 3 em Araraquara, além de outros prédios nas cidades de Assis, Piedade, Jaú, Cardoso, Ipaussu, Amparo, São Carlos, Garça, Sumaré, Cachoeira Paulista, Mauá, Tabapuã, Barretos, Limeira, Caraguatatuba, Ribeirão Preto, Votuporanga, Santo André, Praia Grande, Capão Bonito e Ibitinga. O valor arrecadado pelo estado ficou 42% maior do que a avaliação mínima.

A maior valorização ocorreu com um imóvel comercial localizado em Barretos, que recebeu 155 lances e foi vendido por R$ 199 mil. A modalidade de disputa foi a de maior oferta.

Os leiloeiros tiveram acesso às informações sobre os imóveis no portal lançado pelo governo do estado (imóveis.sp.gov.br). Os certames ocorreu de forma on-line e presencial.

Os imóveis vendidos em leilão estão catalogados no Conselho de Patrimônio do Estado e são de órgãos públicos já desativados, como antigas garagens e delegacias da Polícia Civil, que, com a centralização administrativa, migraram para novos espaços integrados e terrenos.

O Estado conseguiu mais de R$ 103 milhões com a venda de 35 imóveis e terrenos no ano passado, entre fundo imobiliário e licitações. Os valores obtidos são destinados a investimentos nas áreas da segurança pública, saúde e educação.

ARREMATADO – Barracão em General Salgado rendeu R$ 283 mil aos cofres do estado

Compartilhe esta notícia!