Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Uma queda de energia de aproximadamente 3 minutos atingiu a região de Araçatuba no final da madrugada e início da manhã desta terça-feira (8). De acordo com a CPFL Paulista, empresa concessionária do serviço de energia elétrica nas cidades da região, a pequena queda teve origem no sistema de energia da ISA CTEEP (Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista), que é a responsável pela transmissão. Segundo a companhia, a causa da queda ainda está sendo verificada.

Muitos foram os relatos na região de uma rápida queda de energia que, se não causou grandes prejuízos, foi o suficiente para desconfigurar sistemas de informação de algumas empresas, por exemplo. Estes problemas foram notados apenas com o nascer do sol e causou questionamentos à reportagem.

Moradores de bairros de todas as zonas urbanas de Araçatuba, que já estavam acordados no horário, relataram que houve uma queda de energia que começou devagar até se concretizar totalmente. A queda ocorreu também nas emissoras de rádio do SRC e na sede do jornal O LIBERAL REGIONAL.

Alguns minutos depois o serviço foi restabelecido. Além de Araçatuba, houve registro de reclamações de queda de energia elétrica também nas cidades de Birigui, Guararapes e Valparaíso, exatamente no mesmo horário. Em Birigui, a volta ocorreu de forma gradual e sem a total capacidade nos primeiros minutos, até se normalizar totalmente em pouco tempo.

De acordo com a ISA CTEEP, a queda ocorreu às 5h36 por causa do desligamento na linha de transmissão 138 kV Valparaíso – Nova Avanhandava C1 e C2, na região de Araçatuba, ocasionando uma interrupção momentânea, o chamado “pisca”, no fornecimento de energia elétrica à distribuidora local, no caso à CPFL.

Em nota enviada pela Companhia de Transmissão foi informado que os técnicos da empresa atuaram rapidamente e conseguiram restabelecer o fornecimento de energia elétrica apenas 3 minutos depois da ocorrência, às 5h39. Porém, não deu motivo para o incidente e segue analisando as causas, já qua linha de transmissão citada possui mais de 100 quilômetros de extensão.


Compartilhe esta notícia!