Compartilhe esta notícia!

ARNON GOMES – ARAÇATUBA

No momento em que lutavam para vencer a covid-19, doença que já matou mais de cem mil brasileiros neste ano, Sr. Nelson Souza Ferreira, de 73 anos, e dona Ivone Araújo Ferreira, 69, deixaram um legado de amor para toda a família.

Deram uma verdadeira demonstração do quanto a fidelidade, o amor e o respeito devem acompanhar a vida a dois “na alegria e na tristeza”, “na saúde e na doença”, “na riqueza e na pobreza”, enfim, “por todos os dias da vida” até que a morte os separe.

Infectados pelo novo coronavírus, Nelson e Ivone completaram bodas de ouro internados na Santa Casa de Araçatuba e ganharam festa organizada pela equipe de enfermagem do isolamento no sábado passado. A enfermeira Jaqueline Mitsue de Oliveira, da equipe do Isolamento 2-A, conta que ficou sabendo pelo próprio Nelson dos 50 anos de casamento. A partir daí, disse ela, toda a equipe decidiu prestar uma homenagem ao casal.

Logo, a profissional do hospital recebeu autorização para proporcionar uma singela comemoração pela data. Um quarto vago foi decorado pela equipe de enfermagem. Emocionados, Nelson e Ivone entraram no recinto sob aplausos. A família não pode participar. Mas, por um Ipad, eles puderam ver mensagens de felicitações gravadas em vídeo por filhos, noras e netos. Ao saber da homenagem, Nelson encomendou aos seus familiares bolo, salgadinhos e refrigerantes.

A emoção tomou conta em todos os aspectos.  Enfermeiros se encarregaram de levar flores ao casal. Coube a Jaqueline representar a equipe na hora de ler a mensagem, expressando toda a admiração dos profissionais da saúde pelos pacientes.

Assim, o meio século de união do casal não passou em branco. Unidos até mesmo no enfrentamento ao coronavírus, eles celebraram os 18.250 dias e 438 mil horas de convivência como queriam, um do lado do outro.

ALTA

O maior presente pelo ato de amor que uniu Nelson e Ivone em 5 de setembro de 1970 foi recebido um dia após a comemoração das bodas. No domingo, eles receberam alta hospitalar. Agora, eles vão continuar o tratamento com medicações via oral em isolamento domiciliar.

Ao deixarem a Santa Casa, eles assumiram o compromisso de celebrar as bodas de ouro como sonharam no próximo ano.

Nelson relata que, desde o início do ano, tudo já estava programado para a comemoração dos 50 anos. Tudo estava preparado para uma linda cerimônia, seguida de festa para mais de 200 pessoas, entre amigos e familiares. Mas a pandemia chegou e, assim, foi cancelado o evento no qual ocorreria a renovação das promessas feitas no passado.

Com o cancelamento, Nelson e Ivone pensaram em fazer uma comemoração mais simples, reunindo os filhos Nelson Júnior, Robson, Ricardo, as noras, e seis netos, cujas idades variam de 3 a mais de 20 anos. “Não satisfeito”, o coronavírus voltou a atrapalhar os planos do casal.

MUDANÇAS

Era final de agosto quando dona Ivone sentiu os primeiros sintomas que, em poucos dias, seriam confirmados como de covid-19. A senhora foi internada na Santa Casa, sendo levada para um leito de isolamento. Mas, logo, registrou boa evolução no tratamento aplicado pela equipe médica. Em pouco tempo, Nelson registrou os mesmos sintomas da esposa, recebendo, posteriormente, diagnóstico positivo para a covid-19.

A sensibilização das equipes médica e de enfermagem do hospital ocorreu com o desejo de Nelson por querer estar com a esposa. Levado para um leito de isolamento do segundo andar, pediu para vê-la, ao passar defronte ao quarto 243.  “Foi emocionante. Os dois choram muito. Ele disse que a amava e que ela era a vida dele”, relembra a enfermeira Jaqueline.

Assim, a profissional e as demais integrantes da equipe decidiram colocar marido e esposa no mesmo quarto, fator possível por ambos serem positivos para covid-19 e pela disponibilidade de leito. Junto, o casal apresentou melhoras e evoluiu rapidamente para o desmame da oxigenoterapia, ciclo em que o oxigênio que é levado aos pulmões do paciente através de um cateter nasal começa a ser retirado aos poucos e de forma monitorada.

Como reconhecimento a toda a dedicação da equipe do hospital, a festa dos sonhos que ocorrerá no próximo ano contará com a presença de uns convidados especiais: toda a equipe que cuidou deles durante a internação.

 


Compartilhe esta notícia!