Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ANDRADINA

Nos últimos dias aumentou o número de internações por suspeita de covid-19 na Santa Casa de Andradina. Além disso, houve aumento expressivo também do número de casos positivos da doença. Diante deste quadro, a promotora de Justiça Rubia Prado Motizuki, cobrou ações mais diretas dos responsáveis pelas políticas de combate ao novo coronavírus nas cidades abrangidas pela comarca (Andradina, Nova Independência, Murutinga do Sul e Castilho).

Desde o início da pandemia os quatro municípios sempre mantiveram situação mais confortável em relação a outras cidades da região. No entanto, nas últimas semanas houve aumento dos números de casos e internações. Nas ruas, é comum ver muitas pessoas sem máscaras. Por isso, a cobrança da promotora foi no sentido de reforçar a informação junto à população quanto à importância de manutenção dos protocolos, como distanciamento social, uso de máscara e higienização das mãos.

Na avaliação da promotora de justiça, a situação exige medidas mais enérgicas. Foram quatro mortes em 11 dias. Rubia Prado Motizuki classifica a situação como o pior pico desde o o início da pandemia.

“Por favor, informem a população sobre esses números preocupantes, orientem para as medidas de distanciamento e higiene; se não melhorar, teremos que fechar (comércio e serviços) novamente”, concluiu a promotora.

Os responsáveis por comitês municipais já estão se mobilizando para reforçar a fiscalização e e orientação da população.

 


Compartilhe esta notícia!