Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

A direção do Rotary Club de Araçatuba Bandeirantes está desenvolvendo um projeto que tem como o objetivo aumentar a capacidade de atendimento do Banco de Leite Humano de Araçatuba. A ideia é fazer a compra de mais uma máquina de pasteurização e outra de extração de leite, para dobrar a produção do leite que atende aos bebês prematuros internados nas UTIs da região do DRS II (Departamento Regional de Saúde), que compreende 43 municípios. A causa tem apoio do SRC, através das rádios do sistema e do jornal O LIBERAL REGIONAL.

Atualmente, o Banco de Leite humano possui uma máquina de banho maria que realiza dois processos de pasteurização por dia, cada um com 30 fracos de 300 ml de leite materno cada. A intenção do Rotary com o projeto é doar uma nova máquina para dobrar os trabalhos do local, com o objetivo de atender mais crianças que correm risco de vida. Para isso, o Rotary busca parceiros.

De acordo com Eduardo Sanchez, que faz parte da comissão de projetos humanitários do Rotary Club de Araçatuba Bandeirantes é adquirir também uma máquina de extração de leite materno para a Santa Casa de Misericórdia. O investimento nas duas máquinas chega a mais de R$ 43 mil.

“Nós estamos com esse projeto com o apoio da fundação rotária e buscando parceiros na comunidade e na sociedade para viabilizar esses equipamentos para poder dobrar a capacidade de pasteurização que hoje tem o banco de leite”, afirmou Sanchez.

Sanchez faz questão de frisar que este leite é fundamental, já que não é destinado a bebês comuns, mas sim a crianças que nasceram de forma prematura e terão o leite materno como único alimento enquanto lutam pela vida em um leito de UTI. “Na realidade o banco de leite humano atende 40 cidades da região e a demanda desse leite é exclusivamente para recém nascidos prematuros que estão internados em UTIs. Nós não estamos falando de amamentação, complementação alimentar, nós estamos falando de remédio. Esse leite humano vai diretamente para a UTI, que é o único alimento que aquele bebezinho prematuro, recém-nascido, vai ter”, explicou.

Para este trabalho, o Rotary disponibiliza R$ 10.060,24 como subsídio distrital e o restante do valor para a compra dos equipamentos terá de vir de doações. O próprio Rotary Bandeirantes colocou um prazo até 31 de agosto para conseguir parceiros para ajudar na compra dos equipamentos, como explica João Serafim Vieira, presidente 2020/2021 do Rotary Club de Araçatuba Bandeirantes.

“Temos um prazo para conseguir os parceiros até 31 de agosto, porém o aporte, o projeto, vai ser formatado até o fim do ano e até o fim da nossa gestão, em junho, esses aparelhos devem ser entregues”, disse. Serafim ainda seguiu. “Estamos trabalhando este projeto especificamente neste mês, que é o Agosto Dourado, o mês do incentivo ao aleitamento materno”, completou.

Segundo os representantes do clube rotariano, após a compra e instalação dos equipamentos, a intenção será ampliar os locais de coleta de leite humano na região. Atualmente o único ponto de coleta da área da DRS II fica em Araçatuba na rua Sacadura Cabral, 471, no bairro Aviação.

Banco de leite atende 46 bebês por mês

O Banco de Leite Humano de Araçatuba atualmente tem um déficit de aproximadamente 30 litros por mês. A media de captação de leite é de 70 litros mensais, com 56 doadoras voluntárias.

Para a coleta, a equipe do banco de leite vai até a casa da doadora, leva os fracos esterilizados e orienta sobre o processo para coleta manual e armazenamento do leite. Este trabalho é feito pela própria doadora de forma manual.

Cerca de 46 bebês recém-nascidos são atendidos nos hospitais da cidade e da região com este leite coletado pelo banco de leite araçatubense. A Santa Casa possui atualmente 16 leitos na UTI Neonatal, que atendem pacientes de media e alta complexidade de 40 municípios. O Hospital Unimed possui 6 leitos de UTI para atendimento de recém-nascidos.

O Banco de Leite funciona de segunda à sexta-feira, das 7h às 18h30. Para informações sobre como ser uma doadora, o telefone é (18) 3636-1170.Máquina


Compartilhe esta notícia!