Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

As secretarias municipais de Saúde de Araçatuba e Birigui iniciaram nessa quarta-feira a segunda etapa da Campanha Nacional contra o Sarampo. O público alvo da campanha são crianças acima de 6 meses de idade até adultos menores de 49 anos. Em Araçatuba isso representa aproximadamente 40 mil pessoas.

A vacina contra o Sarampo, que também protege contra Caxumba e Rubéola, está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde, que estão atendendo com organização de fluxo de pessoas para evitar aglomerações.

Em 2019, foram registrados 14 casos de sarampo em Araçatuba. Neste ano não houve registro da doença no município.

BIRIGUI

Para atingiu o público-alvo, Birigui vai desenvolver dis estratégias: a vacinação indiscriminada na faixa etária de 30 a 49 anos, ou seja, todas as pessoas desta faixa etária devem tomar uma dose da vacina de sarampo (independente da situação vacinal anterior) e  a vacinação seletiva (avaliação da situação vacinal e vacinação conforme o calendário vacinal vigente) para a população de 6 meses a 29 anos, ou seja, nesta faixa etária será verificado a carteira de vacina, onde só irá tomar a vacina de sarampo quem não tiver duas doses da vacina SCR.

“Entende-se ser necessário garantir o funcionamento dos serviços de vacinação para manutenção de elevadas coberturas vacinais, visando evitar surtos de doenças imunopreveníveis, que poderiam agravar a crise de saúde desencadeada pela covid-19 e colocar em risco a saúde da população”, explicou a secretária municipal de Saúde, Marian Fátima Nakad.

Depois de duas décadas sem circulação endêmica do vírus do sarampo, em 2019 a doença foi reintroduzida no Estado de São Paulo.

No ano de 2020, o Estado de São Paulo registrou 2.526 casos suspeitos de sarampo, sendo 701 casos confirmados e 1 óbito.

“Considerando o avanço do sarampo no país, o Ministério da Saúde, juntamente com estados e municípios, realizará a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo. Este público deve procurar a UBS mais próxima de sua residência”, explicou a enfermeira Isabel Galdeano, da Vigilância Epidemiológica de Birigui.

Segundo ela, a vacina contra o sarampo (SCR sarampo, caxumba e rubéola) é oferecida em todas as unidades de saúde.


Compartilhe esta notícia!