Compartilhe esta notícia!

ARNON GOMES – ARAÇATUBA

Dezessete santas casas e hospitais filantrópicos de cidades da região receberam, juntas, R$ 4.072.691,33 em pacote destinado pelo governo federal com o objetivo de combater a pandemia do novo coronavírus.

O repasse está em portaria do Ministério da Saúde publicada no último dia 22 que fixa o auxílio financeiro emergencial a estes tipos de serviços de saúde que participam do SUS (Sistema Único de Saúde).

No total, o pacote da União estabelece a destinação de R$ 2 bilhões aos Estados, municípios e ao Distrito Federal.

O recurso foi liberado em duas parcelas, conforme o ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello: a primeira, no valor de R$ 340 milhões, no mês passado; e a segunda, nesta semana, em R$ 1,660 bilhão.

De acordo com o governo federal, o critério de rateio para distribuição dos recursos financeiros teve como base o quantitativo de leitos SUS das santas casas e hospitais filantrópicos sem fins lucrativos.

A determinação do ministério é para que a integralidade dos recursos transferidos às unidades seja aplicada, obrigatoriamente, na aquisição de medicamentos, suprimentos, insumos e produtos hospitalares para o atendimento adequado à população.

Também devem ser utilizados para a aquisição de equipamentos e na realização de pequenas reformas e adaptações físicas para aumento da oferta de leitos de terapia intensiva.

Por fim, poderão ser utilizados no respaldo ao aumento de gastos que as entidades terão com a definição de protocolos assistenciais específicos para enfrentar a pandemia e na contratação e no pagamento dos profissionais de saúde necessários para atender à demanda adicional.

A portaria ainda obriga as entidades beneficiadas a prestar contas da aplicação dos recursos aos respectivos fundos de saúde estaduais, distrital ou municipais e disponibilizar todos esses dados na internet.

DIVISÃO

Do total destinado à região, a maior fatia ficou com a Santa Casa de Araçatuba, hospital referência de alta e média complexidades para 40 municípios.

No total, o hospital recebeu R$ 1.153.294,99

Ainda em Araçatuba, a Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates foi contemplada com R$ 116.254,15.

O segundo maior repasse foi para a Santa Casa de Andradina: R$ 508.658,49 – confira quanto foi repassado para cada hospital no quadro ao lado.

IMPORTÂNCIA

O dinheiro cai na conta dos hospitais no momento em que o avanço da doença mais tende a preocupar as autoridades de saúde na região.

De acordo com o Governo de São Paulo, até a final da tarde de ontem, a Região de Araçatuba já contabilizava 481 casos de covid-19, sendo onze deles novos. Ao todo, 26 pessoas já morreram vítimas do novo coronavírus na região.

O aumento no número de internações já preocupa na região. Em vídeo divulgado ontem nas redes sociais, a diretora administrativa do Hospital Unimed Araçatuba, Vilma Neri Shinsato, comentou a alta observada somente nesta semana.

“Nesta semana, observamos um aumento importante no número de casos suspeitos de covid no hospital. De segunda-feira até hoje (ontem), foram internadas 16 pessoas, um aumento muito acima do que vínhamos observando nas semanas anteriores”, informou. “As pessoas não estão respeitando o isolamento social. Nós queremos manter comércio aberto, reativar a economia, mas, para isso, você é parte importante”, enfatizou.

Na gravação, ela pede para que a população saia de casa apenas para o que for necessário, evite aglomeração e use máscaras.

Pasta1


Compartilhe esta notícia!