Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Na próxima sexta-feira, dia 5 de junho, é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente e por conta disso, a 1ª Companhia do 2º Batalhão da Polícia Militar Ambiental de Birigui está realizando diversas ações durante esta semana na região de Araçatuba como forma de conscientização da população para a importância do meio ambiente, além de ações de combate à práticas criminosas.

As ações começaram na última segunda-feira, quando policiais ambientais entregaram diversas mudas de árvores nativas em locais estratégicos nas cidades de Araçatuba, Andradina, Penápolis e Ilha Solteira, além de outros municípios. O objetivo foi conscientizar a população sobre a importância de se plantar árvores e de preservar o meio ambiente. Foram distribuídas 110 mudas de espécies como paineiras, ipês, dentre outras.

Já nesta terça-feira, a equipe da Polícia Ambiental realizou fiscalização em pátios madeireiros localizados nas regiões de Araçatuba e Andradina. Foram visitados locais nestas duas cidades, além de Penápolis, Castilho e Guaraçaí.

O trabalho resultou na apreensão de cerca de quase dois metros cúbicos de madeira sem licença válida em Guaraçaí, que resultou em multas de R$ 1.928,00, além de três autos de infração em três madeireiras distintas. Ainda ontem, dentro da operação, policiais ambientais atenderam a uma ocorrência de supressão de árvores nativas em Coroados. Um homem foi autuado por corte ilegal de 19 árvores nativas e recebeu multa no valor de R$ 5.700,00.

Como próximas ações da semana do meio ambiente, está previsto para hoje, quarta-feira, uma intensificação do policiamento náutico em toda a área de cobertura da 1ª Cia da Polícia Ambiental.

Já na quinta-feira serão fiscalizados criadores amadores de pássaros. Estão programadas pelo menos 10 fiscalizações no noroeste paulista que buscam coibir o tráfico de animais silvestres.

Por fim, na sexta-feira, dia mundial do meio ambiente, será feita a queima de materiais apreendidos pela polícia ambiental nas últimas semanas, como gaiolas, redes de pesca, dentre outros.

Segundo o Capitão Rafael Gonçalves de Oliveira, comandante do 1ª Companhia do 2º Batalhão da Polícia Ambiental, é preciso que todos tenham a conhecia de utilizar os recursos do meio ambiente de forma sustentável. “O objetivo dessas operações durante essa semana é conscientizar a população, prevenir contra os crimes ambientais, e abrir os olhos da sociedade com relação ao uso dos recursos sempre de forma sustentável, os recursos são escassos, então a Polícia Ambiental trabalha no sentido de conscientizar e fiscalizar, e prevenindo contra os crimes”, disse.

O comandante ainda afirmou que todo o trabalho da semana do meio ambiente está sendo feito em paralelo com as ocorrências atendidas. “Além disso, durante a semana fazemos o atendimento das denúncias como um todo. Hoje mesmo fiscalizamos uma ocorrência de maus tratos a animais no município de Guararapes, essa é uma das várias que se atende durante o dia”, afirmou.

Para denúncias de possíveis crimes ambientais, os telefones disponíveis da Polícia Militar Ambiental são (18) 3741-9140, (18) 3634-1240, (18) 3643-1750 e (18) 3519-3040.


Compartilhe esta notícia!