Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

O governo do estado trabalha com o mês de julho para a volta das aulas presenciais nas escolas públicas, porém essa volta deve acontecer gradualmente e de forma regionalizada, com a possibilidade de as regiões de Araçatuba, Andradina e Lins serem algumas das primeiras a ter novamente os alunos em sala de aula.

As declarações foram dadas pelo subsecretário de articulação regional da secretaria de educação do estado, Henrique Pimentel, em entrevista exclusiva por telefone à reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL.

Assim como o governador João Dória (PSDB) já disse algumas vezes nas coletivas no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo (SP) durante a pandemia de covid-19, o estado espera começar a volta das aulas presenciais em julho. De acordo com o Henrique Pimentel, ainda não há uma data específica definida. “A gente não tem ainda uma data, mas o que a gente sabe é que vai acontecer de forma gradual. A gente só pode retomar as atividades presenciais uma vez autorizados pela secretaria da saúde e pelo comitê de prevenção à covid-19, então, a gente está aguardando que estas autoridades passem uma previsão mais concreta”, disse.

Para o subsecretário da educação do estado, a volta gradual será regionalizada e terá início em locais do estado onde o índice de contaminação da covid-19 está mais baixo. “Isso deve acontecer de forma regionalizada, nem todas as regiões do estado vão voltar ao mesmo tempo, é importante que isso esteja claro”, afirmou.

Nas regiões de Araçatuba, Andradina e Lins, bem como em todo o oeste paulista, com exceção de São José do Rio Preto, não há nenhuma cidade com mais de 150 casos de covid-19 até o momento. Ao ser perguntado se isso poderia fazer com que a volta gradual das atividades escolares da rede estadual começasse por esta parte do estado, Pimentel afirmou que há esta possibilidade. “É possível, tudo isso vai depender muito de como a doença se interioraliza, porque a gente tem observado isso”, afirmou.

Por enquanto, os estudantes seguirão tendo aulas online. “Por hora, a gente continua com as nossas programações no centro de mídias, no aplicativo de aulas online, e também estamos com aulas preparatórias para o ENEM”, disse.

Região de Araçatuba tem 4% a mais de inscritos para o ENEM

O subsecretário da educação do estado observou uma queda nas inscrições para o ENEM neste ano em praticamente todas as regiões do estado. Na região administrativa de Araçatuba, que compõe as 43 cidades, incluindo Andradina, o número de inscritos aumentos.

De acordo com Henrique Pimentel, o aumento não foi tão significativo, mas foi um dos pontos positivos da avaliação. “Em relação ao ano passado, aí na região de Araçatuba tivemos um aumento. Foi pequeno, é verdade, mas foi um dado interessante, o crescimento em relação ao ano anterior foi de 4% nas inscrições”, informou.

Conforme o jornal O LIBERAL REGIONAL divulgou ontem, a região de Araçatuba registrou 2.300 inscritos para as provas deste ano, que aconteceriam nos dias 1 e 8 de novembro, mas que ainda não possuem nova data. “Nós imaginamos que ela deva ocorrer no finalzinho do ano, ou na última semana de novembro, ou no comecinho de dezembro, mas ainda não ouve essa confirmação do Ministério da Educação”, completou Pimentel.


Compartilhe esta notícia!