Home Cidades Araçatuba Vendas do setor óptico devem subir com novo decreto municipal

Vendas do setor óptico devem subir com novo decreto municipal

3 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Sobre o decreto da Prefeitura de Araçatuba publicado na edição de ontem do jornal O LIBERAL REGIONAL, que permite a abertura de lojas do setor óptico, o presidente da ALCA, César Braga, que é proprietário de uma óptica que fica na Rua General Glicério, na área central do município, afirmou que veio em boa hora a possibilidade de funcionamento do seu estabelecimento.

De acordo com Braga, a queda nas vendas foi significativa a partir do momento em que todo o comércio fechou as portas, no último dia 24 de março. “Eu estava trabalhando com delivery. Ficava trabalhando internamente. Eu postava os óculos nas redes sociais, recebia as receitas via whatsapp, com isso eu conseguia produzir das 9h às 22h, mas mesmo assim as vendas haviam despencado cerca de 95%”, afirmou.

Segundo o empresário, o comércio pela internet estava atingindo apenas pessoas mais próximas, como amigos ou conhecidos, já que sua rede de contatos é limitada a estas pessoas. “Eu percebi que as vendas que eu realizei nas redes sociais foram para amigos, basicamente, pelo instagram, facebook, grupos de whatsapp. Não teve uma adesão a longa distância. Até porque o consumidor final não está acostumado com delivery de óculos”, afirmou Braga.

Com a volta do funcionamento das ópticas, mesmo com as restrições de presença de clientes dentro do estabelecimento, César Braga acredita que as vendas vão aumentar. Ele, porém, crê que a volta ao normal será apenas quando todo o comércio puder abrir as suas portas. “Deve aumentar uns 30 ou 40%, mas voltar o que era antes só quando tudo puder abrir tudo, o calçadão, até porque as outras lojas estando fechadas acaba fazendo com que, mesmo com gente na rua, menos pessoas estejam dispostas a consumir”, afirmou. “Com esse decreto vai facilitar um pouco mais. Ótica é considerado serviço essencial. Estamos tentando voltar à vida normal aos poucos”, concluiu.


Compartilhe esta notícia!