Home Cidades Araçatuba Município prorroga parcela de pagamento de impostos

Município prorroga parcela de pagamento de impostos

5 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

ARNON GOMES – ARAÇATUBA

A Prefeitura de Araçatuba decidiu ontem prorrogar as datas para pagamento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), Taxa de Coleta de Lixo ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza) com vencimento em abril para agosto deste ano.
A medida inclui parcelamentos administrativos de débitos fiscais, mantendo-se o mesmo dia do vencimento original.
A medida tem o objetivo de amenizar os efeitos na vida da população ocasionados pela paralisação das atividades e serviços por causa do enfrentamento ao coronavírus.
Conforme decreto que publicado neste sábado, o prefeito Dilador Borges (PSDB) levou em consideração medidas de proteção já adotadas pelo município a fim de evitar a propagação da doença na cidade.
E considera ainda a necessidade de o poder público municipal minimizar essa situação, atendendo aos comerciantes, empresários e munícipes que teriam que efetuar o pagamento neste mês desses impostos e da taxa de lixo.
ASSISTÊNCIA
Outra medida anunciada ontem pela gestão tucana foi o início de campanha de arrecadação de produtos para doação a famílias em isolamento domiciliar e vulnerabilidade social, que acontecerá em supermercados da cidade.
Participarão da campanha as unidades dos supermercados Amigão, Coopbanc, Diniz, Muffato, Pão de Açúcar, três lojas Rondon, 2 lojas Rosa Felipe, Stok e Tonin.
Segundo Suzeli Denys de Oliveira, secretária municipal de Assistência Social de Araçatuba (SMAS), a campanha tem coordenação conjunta da SMAS, do Fundo Social de Solidariedade (FSS) e do Conselho Deliberativo do FSS, como mais uma modalidade das novas ações adaptadas às necessidades surgidas com a pandemia do coronavírus (Covid-19).
Haverá carrinhos dos próprios supermercados, com identificação da campanha da Prefeitura. Serão aceitas doações, tanto das lojas como de consumidores, de produtos de limpeza, de higiene pessoal e de alimentos não perecíveis, que serão posteriormente doados às famílias.

 

Municípios com menos de cem mil habitantes receberão recursos

Municípios da região com menos de cem mil habitantes receberão verba do Estado para ações de combate ao coronavírus. O aporte foi anunciado ontem pelo governador João Doria (PSDB). Em todo o Estado, municípios nessa faixa populacional receberão R$ 40 milhões.
Na última quinta-feira, as duas maiores cidades da região (Araçatuba e Birigui) haviam sido incluídas em um pacote de R$ 218 milhões para municípios com mais de cem mil moradores.
“Todos os valores deverão ser investidos para o custeio, a compra de insumos, e montagem e operação de hospitais de campanha, como o do estádio do Pacaembu”, disse Doria. Além da verba para o Interior, o governador paulista anunciou ainda R$ 90 milhões para a capital.

 


Compartilhe esta notícia!