Home Cidades Araçatuba Setor que não vai parar com a quarentena que começa hoje, supermercados estão preparados para demanda

Setor que não vai parar com a quarentena que começa hoje, supermercados estão preparados para demanda

7 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

ARNON GOMES – ARAÇATUBA

Nos supermercados, muitos mascarados. Neste, que é um dos ambientes de grande concentração de pessoas, porém integrante da lista dos “essenciais” em tempo de coronavírus, os cuidados foram redobrados. Além de todos os funcionários estarem com máscara, em cada setor das unidades em Araçatuba, há álcool gel disponível a empregados e consumidores. Quem chega ao estabelecimento já encontrava carrinho higienizado. Apesar de muita gente estar comprando alimentos e produtos de higiene e limpeza para estocar nos próximo dias, em redes do setor visitadas pela reportagem ontem não havia falta de produtos. Boa notícia para um serviço que continuará em plena atividade nas próximas semanas.

Na tarde de ontem, o prefeito Dilador Borges (PSDB) convocou reunião por videoconferência com representantes de supermercados e da Associação Paulista de Supermercados (Apas), para discutir medidas de contenção de aglomerações no combate ao contágio do coronavírus. Foram ao todo 27 pessoas na sala virtual, representando 20 lojas locais, que apresentaram suas dificuldades e sugestões, bem como pediram apoio da Prefeitura em divulgação de informações para tranquilizar a população quanto à busca por produtos nas lojas.

O consenso geral foi de que não tentarão reduzir horários nem dias de funcionamento, pois entendem que isto geraria ainda mais concentração de pessoas, mas procurarão meios de sugerir menor fluxo e frequência, bem como sugestões de compras em quantidades porcionadas, como alguns estabelecimentos da cidade já estão fazendo.

 

QUARENTENA

A segunda-feira, em Araçatuba, foi de preparação para o início da quarentena, que começa nesta terça-feira em todo o Estado, com duração de 15 dias, conforme determinou o governador João Doria (PSDB) no último sábado.

Se, a partir de hoje, apenas serviços considerados essenciais podem funcionar, ontem, vários foram os estabelecimentos que já não estavam funcionando. No Centro, comércio fechado praticamente em sua totalidade. Em restaurantes, onde antes se via garçons correndo para dar conta da demanda de fregueses na hora do almoço, o que viu no primeiro dia semana foram filas de marmitex para entregadores levarem às residências. Afinal, antes da regra estadual passar a funcionar na prática, os estabelecimentos gastronômicos já tinham uma recomendação da Prefeitura para haver maior distanciamento entre as mesas e privilegiarem o serviço de delivery.

No cruzamento da Rua Floriano Peixoto com a Olavo Bilac, no Centro, uma cena curiosa. Enquanto em um restaurante, a fila era de “quentinhas”, em uma agência bancária, clientes faziam fila à espera de atendimento. Isso porque, nos bancos, desde a semana passada, trabalha-se com acesso limitado a cinco pessoas na parte interna.

 

CASOS

Toda essa situação se deve às ações mais efetivas no combate à epidemia de coronavírus. Até as 18h de ontem, o Brasil totalizava 1.546 casos confirmados, com 25 mortes. Em Araçatuba, os números mais recentes divulgados pela Prefeitura, no final da tarde dessa segunda-feira, mostravam que quatro casos até então suspeitos foram descartados no município. Por outro lado, apontavam que o total de casos notificados na cidade já chega a 72, porém nenhum confirmado. Da quantidade suspeira, nove são de pacientes internados.

Em nota, também divulgada, no fim da tarde, o hospital Unimed de Araçatuba informou que o promotor de Justiça Rodrigo Mazzilli Marcondes – o paciente de 49 anos internado no isolamento da UTI Adulta com suspeita da Covid-19 – teve piora no quadro respiratório. Conforme o hospital, ele foi intubado e está em ventilação mecânica.

 

TENDA

Uma medida importante anunciada ontem no enfrentamento à doença foi anunciada ontem pela OSS (Organização Social de Saúde) Irmandade da Santa Casa de Birigui, que administra o Pronto-Socorro Municipal de Araçatuba. Segundo a entidade gestora, está em processo de instalação uma tenda na parte externa em frente à unidade, onde será realizado o pré-atendimento dos pacientes. No local, será feita a triagem dos pacientes, evitando o fluxo interno na recepção da unidade, evitando, assim, o contato deles com pessoas que apresentem sintomas da doença.


Compartilhe esta notícia!