Home Cidades Araçatuba Rei Momo entregará ‘chave da cidade’ ao prefeito Dilador

Rei Momo entregará ‘chave da cidade’ ao prefeito Dilador

7 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

ARNON GOMES – Araçatuba

Um gesto a marcar qualquer festa de carnaval já é tradição: o prefeito entregar “a chave da cidade” ao rei momo. Mas, em Araçatuba, neste ano, o ato terá caminho contrário. O rei da festa entregará a chave ao prefeito Dilador Borges (PSDB). Caberá ao porteiro Wallace Telles, que incorporará o personagem mais famoso da folia em 2020, cumprir esta tarefa, que irá ficar para a história dos festejos carnavalescos do município.

A entrega da chave simbólica ao chefe do Executivo é um sinal das agremiações carnavalescas locais a fim de “resgatar” a festa na maior cidade da região, segundo Rosvel Meneses, o famoso dirigente da Virada do Sol que, neste ano, trabalhou na organização da programação oficial de carnaval em Araçatuba.

O ato acontecerá nesta noite, na Praça Rui Barbosa, no momento da chegada da Escola de Samba Somos Todos Araçatuba, formada especialmente para o carnaval de 2020 e composta por foliões das cinco escolas que se apresentaram na cidade na última vez em que houve desfile: Unidos da Zona Leste, Os Caprichosos, Sonho e Fantasia, Acadêmicos dos Araçás, além da Virada. O objetivo, diz Rosvel, é criar um movimento de resistência do samba e, com isso, pleitear ao prefeito a volta dos desfiles das escolas de samba, que não ocorrem desde 2015.

“Uma vez, conversando com o saudoso Zé Alves, lembramos do ano de 1932, quando aconteceu, no Rio de Janeiro, o primeiro desfile das escolas de samba do Brasil. Desde então, sempre teve desfile de escolas de samba no Brasil”, diz Rosvel, lembrando de José Alves, um dos pioneiros das escolas de samba araçatubenses, falecido em 2018.

“Geralmente, é o prefeito quem entrega a chave da cidade ao rei momo para que ele a governe nos quatro dias de carnaval. Então, nós vamos pegar a chave do rei momo e entregar para o prefeito para que ele dê esse espaço para as escolas de samba – ele ou outro prefeito que venha em seu lugar”, explica Rosvel.

CONSCIÊNCIA

O antigo carnavalesco não critica o poder público. Diz que a comunidade sambista tem consciência de que o corte do desfile está ligado às polêmicas criadas em anos anteriores por causa do uso da verba liberada pela Prefeitura para o carnaval. “Sabemos que os culpados pela interrupção do carnaval foram as pessoas que estavam dentro do próprio carnaval”, completou o líder da Virada do Sol, que foi o mentor da comissão carnavalesca deste ano.

Após convite feito por ele, Araçatuba terá a sua rainha de carnaval mais jovem, Vitória Thaís Pereira de Almeida, de 20 anos. Também pela primeira vez, Wallace Telles, que já foi ritmista e autor de samba-enredo, será o rei momo.

Virada do Sol faz apresentação na praça

O ponto alto das comemorações do carnaval em Araçatuba, neste domingo, é a apresentação da bateria da Virada Sol na Praça Rui Barbosa. Os ritimistas da agremiação carnavalesca mais antiga da cidade se apresentarão na mais famosa praça da cidade das 21h às 22h, encerrando uma noite que promete ser muito animada.

Fundada em1972, a Virada do Sol começou a desfilar com o nome de Portela do Samba, ganhando, posteriormente, o nome atual. Ao todo, a escola já ganhou seis carnavais, o último deles em 2013.

PROGRAMAÇÃO

Completando a programação deste domingo, antes do show da bateria, das 18h às 20h, haverá música, ao som de marchinhas carnavalescas com a Banda Municipal Bruno Zago. Depois, entre 20h e 21h, som mecânico com outras músicas de carnaval. A folia na cidade termina amanhã, novamente na Praça Rui Barbosa, com a Banda Municipal Bruno Zago, que fará outra execução de tradicionais marchinhas.


Compartilhe esta notícia!