Home Cidades Araçatuba Praça Rui Barbosa volta a ser palco do carnaval

Praça Rui Barbosa volta a ser palco do carnaval

5 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

ARNON GOMES – ARAÇATUBA

Os mais antigos hão de lembrar. No passado, a praça Rui Barbosa ostentava outro título, além de “praça do boi”. Nos meses de fevereiro, era também a praça do carnaval em Araçatuba.
De 1958, ano da inclusão do reinado de momo no calendário oficial da cidade por autorização do então prefeito Aureliano Valadão Furquim, às décadas seguinte, o mais famoso ponto de encontro do município viu passar inúmeros cortejos carnavalescos.
Eram blocos, corsos e escolas de samba que, após passarem pelas ruas do Centro, encerravam o trajeto na praça.
Essa realidade mudou quando os desfiles das escolas de samba evoluíram, levando o poder público a procurar um espaço maior para as apresentações. Daí, a velha praça de Araçatuba perdeu o palco para a Praça Olímpica, a Avenida dos Araçás e até mesmo o Recinto de Exposições Clibas de Almeida Prado.
Mas, neste ano, a administração municipal resolveu resgatar a alma carnavalesca da Rui Barbosa. Boa parte da programação oficial do carnaval de Araçatuba lá será realizada. Durante os dias dedicados à folia, o local receberá apresentação de marchinhas, bateria de escolas de samba, blocos e oficinas carnavalescas.
DECORAÇÃO
Enquanto o grande momento não chega, a decoração da praça já começa a impressionar quem passa pelo principal cartão postal da cidade. No começo desta semana, a praça começou a receber as esculturas que adequarão o espaço ao universo carnavalesco. O trabalho é conduzido por duas estrelas do carnaval araçatubense.
De um lado, está Manoel Rodrigues, presidente da Sonho e Fantasia, escola de samba famosa pelo requinte e vencedora de oito concursos – sete deles consecutivos, na década passada. De outro, Paulo Sebastião, artista que dedicou seu talento, por décadas, ao carnaval araçatubense, tendo passado por quase todas as escolas locais, dentre as quais Abre-Alas e Unidos do Geraldo, hoje inexistentes, e Os Caprichosos.
“Fizemos um trabalho com o objetivo de renascer o carnaval. A expectativa é que, para o próximo ano, consigamos movimentar de novo as escolas”, diz Manoel, referindo-se ao fato de, em 2020, mais uma vez, a cidade não ter desfile de escolas de samba. Segundo ele, as esculturas remetem a personagens do imaginário carnavalesco. Na praça do boi, estão representados o sambista, o pierrot, alerquim, entre tantos outros. Tem até um faraó. A justificativa é simples: foi no Egito Antigo onde se deram as primeiras manifestações carnavalescas.
A expectativa é de que a decoração na praça esteja totalmente concluída até esta quarta-feira. No total, são 250 peças, todas produzidas na oficina de esculturas de Manoel ao longo de 40 dias. Houve algumas esculturas que também foram reaproveitadas. Um trabalho que envolveu quase 30 pessoas nesse período.

a5 carnaval1

PREPARATIVOS – Decoração da Praça Rui Barbosa já chama atenção de quem passa pelo principal cartão postal da cidade


Compartilhe esta notícia!