Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

Foi assinada a ordem de serviço para obras de infraestrutura de galerias de águas pluviais nos bairros Esplanada e Jussara, na manhã desta terça-feira (14), pelo prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, em seu gabinete. A estrutura com pontos de captação para drenagem e escoamento compreende tubulações nas ruas dos bairros Jussara e Esplanada, que entram e saem da lagoa do bairro Lago Azul.

A empresa responsável pela obra é a Copel – Construções, Indústria e Comércio LTDA, que assume o contrato no valor de R$ 3.022.420,17 (três milhões, vinte e dois mil, quatrocentos e vinte e dois reais e dezessete centavos), com prazo de 180 dias para conclusão.

Participaram da assinatura a vice-prefeita Edna Flor, os secretários municipais Tadeu Consoni (Planejamento Urbano e habitação e de Mobilidade urbana), Constantino Vourlis (Obras e Serviços Públicos), Arnaldo Morandi (Administração) e Marcelo Mazzei (Desenvolvimento Econômico e Relações do Trabalho, de Desenvolvimento Agroindustrial e de Turismo), além do vereador Gilberto Batata Mantovani e o representante da empres Copel, Dorival Capello.

 

 

Macrodrenagem e Lagoa-pulmão

 

Segundo Tadeu Consoni, essa é a obra de macrodrenagem de maior importância no sistema de galerias que o município tem hoje. “Toda a água dessa bacia, que vem desde o bairro Claudionor Cinti, recebe água de chuva das galerias da avenida Juscelino Kubitschek, cai nesse ponto mais baixo, que é a lagoa do Jussara/Lago Azul/Esplanada, e outro, que vem desde o Jardim Moreira e cai em uma segunda lagoa de contenção, também podem comprometer a Pompeu de Toledo e o córrego da Café Filho. Se isso não for bem tratado, vai sobrecarregar a vazão na Pompeu. Fizemos um trabalho utilizando esse ponto no Lago Azul como lagoa-pulmão, que tem 50 mil metros quadrados e um estravasador. Se a quantidade de chuva for maior que a vazão máxima, a lagoa tem como subir seu nível e manter a vazão fixa”.

“Todas as obras que estamos realizando e que já realizamos na cidade são importantes, mas para mim a que mais significa, que mais me realiza, é obra como essa. É como ver acabar essa história de tantos anos de gente com a casa invadida por água com quase meio metro de altura, perdendo móvel, eletrodoméstico e colchão, perdendo a saúde e a tranquilidade que deveria ter dentro de seu lar”, declara Dilador.

“Muitos governantes, políticos, até mesmo gente do povo, diz que obra embaixo da terra não presta porque não dá voto, não agrada, porque o povo não enxerga e não dá valor. Nós ao estamos aqui para enfeitar ou agradar maquiar nada. Estamos sim, preocupados com o bem estar da população em geral e de cada um dos araçatubenses”, finaliza o prefeito.


Compartilhe esta notícia!
Mostrar mais
Carregar mais em Araçatuba

Veja também

Governo de São Paulo lança plano hospitalar para enfrentar novo coronavírus

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – SÃO PAULO O governador João Doria, o secretári…