AraçatubaCidades

Paróquia ajuda na reconstrução de imóvel que pegou fogo em Araçatuba

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Um acontecimento que seria para mudar completamente a vida de uma família se transformou em um grande exemplo de solidariedade. Na noite do Dia dos Pais, no último dia 11 de agosto, Luana Aparecida Queiroz, de 34 anos, junto com suas filhas Íthala Gabriely Queiroz de Oliveira, de 15, e Lorena Gabriely Queiroz, de apenas 4 anos, tiveram o pior momento de suas vidas ao ver a casa onde moravam em chamas.
O imóvel, que fica na Rua João Gonzales Munhoz, no Bairro Santa Luzia, em Araçatuba, pegou fogo por volta das 20h15, quando ocorreu um curto-circuito. Segundo a proprietária, Luana Queiroz, a fiação elétrica da residência já estava comprometida e o incêndio acabou acontecendo antes que providências fossem tomadas. “A gente já tinha contratado um eletricista particular, ele tinha avisado que tinha que colocar dois disjuntores, a gente ia começar a reformar no final do ano, mas nem deu tempo”, conta.
Segundo a moradora, o curto-circuito ocorreu na sala e o fogo se espalhou pela casa toda. “Pegou fogo nas cortinas, quando a gente viu já tinha incendiado tudo. Da cortina da sala já passou pra cortina do quarto das crianças, e a gente tudo aqui fora na rua, mas até então a gente só estava sentindo o cheiro de queimado, ainda não tínhamos visto o fogo. Até que minha filha entrou lá dentro pra pegar o celular da minha outra filha, foi quando explodiu a televisão”, contou à reportagem.
Além de perder a casa e todos os móveis, a família também perdeu o cãozinho de estimação, Bob, que morava no local há cerca de uma década. Segundo Ithala, a filha mais velha de Luana, o animal de estimação costumava frequentar o seu quarto e estava embaixo da cama no momento em que o fogo se alastrou. O cachorro não conseguiu sair a tempo e parte do telhado e do madeiramento caiu sobre ele. “No máximo em 5 minutos já tinha acabado com tudo, com o telhado, dava pra escutar caindo as coisas dentro de casa, foi muito rápido”, conta Ithala, que foi quem entrou primeiro na casa. Segundo ela, a ação rápida do Corpo de Bombeiros evitou algo pior, já que o botijão de gás que havia na residência não chegou a ser atingido pelo fogo.
Sensibilização começou após matéria publicada em O LIBERAL
A reportagem publicada no Jornal O LIBERAL REGIONAL, na edição do último 12, que trouxe mais detalhes sobre o incêndio, acabou sensibilizando a sociedade e os membros da Paróquia Senhor Bom Jesus da Lapa, de Araçatuba, principalmente pelo fato de Ithala, uma das moradoras da casa, ser coroinha da Comunidade Santa Luzia, que faz parte da paróquia.
A direção da igreja começou uma mobilização entre os fieis e em toda a comunidade para conseguir doações. Neste sábado (24), foram iniciados os trabalhos de reconstrução da casa, com a retirada das telhas e de restos de materiais que sobraram na casa.
O pare Orivaldo Pereira Filho, pároco da paróquia, afirma a publicação no Jornal O LIBERAL REGIONAL teve grande repercussão e auxiliou para que ocorressem muitas doações. “Quando o Jornal O Liberal notificou, nós percebemos que começaram a levantar pessoas de variados lugares dizendo ‘Padre, conte conosco’, ‘Padre, vamos ajudar’, isso nos deu uma força de querer continuar, de abraçar a causa. Sozinho o que se pode fazer? Mas quando nos unimos às outras pessoas nós conseguimos avançar. A reportagem nos deu grande motivação”, afirmou o Padre, que também colocou a “mão na massa” e ajudou na retirada das telhas.
Segundo o líder religioso, boa parte dos móveis da casa já foram conseguidos através de doação de membros e pessoas que ficaram sensibilizadas. Eletrodomésticos, sofá, cama, geladeira, máquina de lavar e até roupas já foram doadas. No caso dos materiais de construção, a parte de madeiramento, como portas e revestimentos, também já foi conseguida, bem como telhas, reboco e pintura. Quanto à parte elétrica e hidráulica, foi feito um levantamento que foi enviado ao Fundo Social de Solidariedade de Araçatuba, que também contribuirá com a ação. Ao todo, a reforma completa do imóvel custará entre R$ 50 a R$ 60 mil, segundo orçamento realizado pela liderança da igreja, e o objetivo é conseguir todos os materiais através de doações.
A intenção do Padre é que a casa volte a ficar em plenas condições de ser habitada em até 45 dias, mas ele avisa que isso depende de ter todo o material necessário. “Vemos a possibilidade de realização dos trabalhos em 45 dias no máximo. Havendo tudo e se a gente conseguir alcançar o que nós almejamos, é possível. Isso é um desejo nosso, mas contamos com a generosidade e o coração das pessoas.”, disse o líder da igreja, que afirmou já ter um grupo de whatsapp onde os fieis organizam as doações. Ao todo são 45 pessoas da comunidade católica trabalhando na reconstrução da casa.
Segundo laudo da Defesa Civil realizado após o incêndio, as paredes do imóvel não foram comprometidas com o acidente e por conta disso a reforma está ocorrendo com base na estrutura de tijolos já existente no local.
A morada Luana Queiroz afirmou estar muito grata aos doadores e à iniciativa da Paróquia Bom Jesus da Lapa. Morando provisoriamente na casa de sua mãe, no Bairro Aviação, ela agradeceu a todos. “Gratidão a todo mundo, não só a paróquia como minha família, meus amigos, só posso agradecer, não tenho nem o que falar, já falei para os meninos no grupo (de whatsapp), eu não imaginaria que ia juntar tanta gente, teve uma repercussão que eu não imaginava”, contou. (DF)

A5 Reforma Casa Paróquia (2).jpg

Comment here