AraçatubaCidades

MEC concede nota máxima ao Unisalesiano em visita de recredenciamento

DA REDAÇÃO – Araçatuba

O MEC deu ao Unisalesiano a nota máxima: 5. Esse conceito, que vai de 1 a 5, coloca o Unisalesiano entre as 50 melhores instituições universitárias do Brasil.
Nos dias 25, 26 e 27 de junho, a Comissão de Avaliadores do Ministério da Educação visitou o UniSALESIANO com o objetivo de verificar suas políticas acadêmicas, as infraestruturas da Instituição, laboratórios e salas de aula, docentes, coordenadores, equipe técnico-administrativa e projetos pedagógicos.
“A conquista da nota 5, isto é, nota máxima de qualidade que o Unisalesiano recebeu do MEC na sua visita de recredenciamento, significa que nós estamos entre as 50 melhores instituições universitárias do Brasil. Antes, tínhamos nota 4, que é uma nota muito boa e nos colocava entre as 200 melhores universidades do Brasil. Hoje, estamos entre as 50, o que é uma grande conquista”, comemorou o Reitor do Unisalesiano, padre Luigi Favero.
Essa conquista, segundo padre Luigi, não veio por acaso. “É fruto de um grande trabalho da Reitoria, de todo o corpo docente, das coordenações, funcionários e dos acadêmicos, que coloca o Unisalesiano num patamar muito importante da educação universitária no Brasil”, completou.
O reitor explica que, o fato de a Instituição ter conseguido o curso de Medicina com nota 4 e, agora, ter nota máxima, é um reconhecimento por parte do Ministério da Educação de que o Unisalesiano tem feito grandes progressos.
Padre Luigi agradece a Deus e Nossa Senhora que, sem dúvidas, colocaram o dedo em tudo isso. “Existe na Bíblia uma frase que diz: Se Deus não construir a sua casa, em vão trabalham os seus construtores. Fizemos nossa parte, mas tivemos também a benção de Deus e de Nossa Senhora”, afirmou.

CENTRO DE CONVIVÊNCIA
Um outro grande feito do Unisalesiano é a construção do Centro de Convivência, que deverá ser inaugurado no início de agosto: um espaço acolhedor e voltado ao bem-estar dos alunos e funcionários.
“Parabéns ao Unisalesiano, isto é, a toda a grande família acadêmica do Unisalesiano, e vamos continuar para nunca cair do topo das instituições universitárias do Brasil”, concluiu o reitor.

Comment here