DA REDAÇÃO – Andradina

A Secretaria de Educação de Andradina recebeu os alunos da Rede Municipal de Ensino, na (16), para o reinicio do ano letivo que foi marcado por atividades diversificadas.
A organização para volta as aulas teve o envolvimento de toda a equipe gestora da Secretaria e das escolas, sendo, 07 de ensino fundamental, 03 rurais, 10 de educação infantil e 11 Centros de Educação Infantil (creches), abrangendo um total de 4.800 alunos.
Uma das unidades que estão com nova turma e a Escola Municipal de Ensino Infantil e Fundamental Romeu Martins, no núcleo urbano de Planalto. A prefeita Tamiko visitou a instituição e explicou como a boa acolhida feita pelos educadores é importante na retomada do ano letivo.
“Essa integração e atividades feitas de acordo com a idade da criança são fundamentais para o processo de aprendizagem que se reinicia. Estamos garantindo o melhor ambiente para que nossas crianças possam se desenvolver e aumentar seus rendimentos”, comentou Tamiko.
A acolhida nas escolas foi realizada com ações culturais, músicas, brincadeiras e outras atividades divertidas em sala de aula, que valorizaram a integração entre as crianças, professores e comunidade escolar.
A secretária da pasta Lucilene Novais dos Santos, desejou boas-vindas aos alunos, professores, servidores e equipe gestora das escolas e parabenizou as equipes escolares pela forma tão calorosa que receberam os alunos e professores.

Replanejamento:
“Hora de inovar”
Já no replanejamento 2019 a Secretaria de Educação inovou substituindo as tradicionais palestras e oficinas de estudos por uma aula passeio que teve como tema principal “O Desenvolvimento das competências sócios emocionais dos docentes”.
Com o tema “Hora de inovar”, os professores participam, em grupos, de uma excursão ao sítio “Santo Reis” onde foram recepcionados com exercícios de respiração, concentração e com atividades que oportunizam o contato com a natureza: cachoeira, plantas e animais; apreciação de obras artísticas; interação com o outro buscando enaltecer os valores nas relações humanas.
Além de danças circulares, dinâmicas com atividades de vivências indígenas, trilha ecológica; alongamentos e situações que exploram as sensações e emoções por meio de uma reflexão que aborda o enfrentamento de desafios educacionais e a superação destes.
O professor Fábio Francé, orientador do passeio, explicou que a busca do equilíbrio emocional favorece o desempenho acadêmico, ou seja, melhora a aprendizagem e a concentração dos alunos.
‘Nossa preocupação é oportunizar um momento que venha de encontro com a ideia de ‘ cuidar de quem cuida’ , pois nossos profissionais da educação lidam o tempo todo com a emoção do ser humano”, comentou Lucilene.

Mostrar mais
Carregar mais em Araçatuba

Veja também

Novos semáforos e faixas de pedestre garantem maior segurança no trânsito

DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS As ações de melhoria no trânsito já podem ser vistas em Trê…