Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

Nesta sexta-feira (5), às 10h, o Bom Prato Araçatuba comemorará um ano de funcionamento e quem ganha a festa é o usuário. O almoço de aniversário contará com um cardápio especial: salada de repolho, carne de panela com bacon, cenoura clamart, suco de uva e a sobremesa será carambola. O aniversário oficial cai no sábado (6), mas a comemoração foi antecipadada o dia 5. Desde sua inauguração, a unidade já serviu mais de 260 mil refeições.
O Bom Prato de Araçatuba, que é gerenciado pela AELESAB – Programas de integração e Assistência à Criança e Adolescente, serve diariamente 1.500 refeições, sendo 1.200 almoços, por R$ 1,00; e 300 cafés da manhã, por R$ 0,50. Crianças até seis anos não pagam.

Programa Bom Prato
Criado há quase 19 anos, a rede de restaurantes populares Bom Prato oferece alimentação balanceada e de qualidade com foco na população de baixa renda, idosos e pessoas em situação de vulnerabilidade social. Trata-se do maior programa de segurança alimentar do país e um dos maiores do mundo em número de refeições servidas. Desde a inauguração em 2000, já serviu perto de 223 milhões de refeições e investiu mais de R$ 656 milhões no programa. São 57 unidades em funcionamento, sendo 22 localizadas na capital, 11 na Grande São Paulo, 17 no interior e sete no litoral.
O almoço, com 1.200 calorias, custa R$ 1,00 e é composto, em geral, por arroz, feijão, salada, legumes, um tipo de carne, farinha de mandioca, pãozinho, suco e sobremesa. No café da manhã, que tem valor tabelado de R$ 0,50, com 400 calorias em média, é oferecido leite com café, achocolatado ou iogurte, pão com margarina, requeijão ou frios e uma fruta da estação.

Serviço
Data: 5/07/2019 (sexta-feira)
Horário: 10h
Local: Bom Prato Araçatuba
Endereço: Rua dos Fundadores, 86 – São Joaquim


Compartilhe esta notícia!
Mostrar mais
Carregar mais em Araçatuba

Veja também

Caso Mustang: Ministério Público vai recorrer de decisão que condenou empresário

Compartilhe esta notícia!O Ministério Público de Araçatuba entrou com recurso de apelação …