Araçatuba

Com documentos apreendidos, PF vai aprofundar investigações

Na terça-feira, aproximadamente 90 policiais federais e agentes da Controladoria Geral da União desenvolveram a Operação Atalhos, que investiga fraudes em licitações e contratos para transporte de alunos em Três Lagoas. Foram cumpridos 21 mandados de busca e apreensão em cinco cidades: Três Lagoas, Naviraí e Campo Grande (MS), Luís Antônio e Americana (SP). Em Três Lagoas os agentes estiveram na casa da ex-prefeita Márcia Moura e do ex-secretário Mário Grespan. Foram apreendidos mais de R$ 2,4 milhões em dinheiro.
Com os documentos apreendidos e o depoimento de 13 pessoas intimadas, a Polícia Federal poderá aprofundar nas investigações e chegar aos responsáveis e o montante desviado. Levantamentos preliminares apontam para superfaturamento de R$ 1,6 milhão.
O ex-secretário Mário Grespan, atual secretário da Educação de Castilho, procurou eximir-se de culpa, dizendo que não competia à Secretaria da Educação as licitações e contratações de empresas para transporte de alunos. Ele também negou apreensão em sua casa. Desta forma, Grespan acaba direcionando para a ex-prefeita Márcia Moura as suspeitas de onde foi apreendido o dinheiro. A Polícia Federal não citou nomes de pessoas e empresas alvo da operação e tampouco onde o dinheiro foi apreendido.

ANTÔNIO CRISPIM
Araçatuba

Comment here