AraçatubaCidadesPlantão Policial

Mulher é suspeita de agredir criança de apenas dois anos de idade

Vitor Moretti – Araçatuba

Uma faxineira de 31 anos de idade procurou a Central de Flagrantes de Araçatuba na sexta-feira (24) para denunciar a madrasta de seu filho, que tem apenas dois anos de idade, após ser agredida e ameaçada de morte. O caso ocorreu dentro da casa da vítima, na rua Ana da Silva Nobre, no bairro Nobre Ville.
A declarante contou em depoimento aos investigadores que mora na mesma residência que a suspeita, uma dona de casa de 46 anos. As discussões seriam constantes, mas um dia antes teria passado dos limites, segundo a declaração da mulher.
Durante uma nova discussão com a autora, a mesma teria partido para cima da vítima com socos e tapas, causando diversas lesões pelo corpo. A suspeita também teria agredido o filho da vítima com chineladas. Em outro momento, a investigada teria pegado duas facas e feito diversas ameaças de morte contra a declarante.
Após o ocorrido, ela decidiu procurar a Polícia Civil para comunicar sobre os fatos. O delegado plantonista registrou a ocorrência como ameaça, lesão corporal e vias de fato. Um inquérito foi aberto pelo quarto distrito policial do município para dar andamento às investigações sobre o caso. Até o fechamento desta edição, a suspeita não tinha sido localizada.
A polícia requisitou exame de corpo de delito na faxineira no IML (Instituto Médico Legal) a fim de que sejam constatadas as lesões sofridas durante as agressões. Por fim, a vítima representou criminalmente contra a autora para que a mesma seja processada.

Comment here