Araçatuba

Procura por alimentos típicos da Semana Santa fica para a última hora

Heloisa Alves – Araçatuba

Apesar de estabelecimentos especializados começarem a vender alimentos utilizados em receitas típicas da Semana Santa há várias semanas, muitas pessoas ainda deixam para fazer a compra em cima da hora.Com isso, nesta quinta-feira os estabelecimentos especializados na venda de pescados tinham longas filas.
É o caso da cozinheira Luzia de Brito Pinto, que na quinta-feira (18), véspera de feriado, aguardava na fila da Peixaria Araçá para comprar o alimento mais consumido nesta data, o peixe. Ela explica que devido a correria do dia a dia, somente na véspera da sexta-feira Santa foi que ela conseguiu arrumar uma tempo para ir até o estabelecimento e garantir o prato principal para a sua família.
“O bacalhau eu já comprei antes, mas vim hoje para comprar outro tipo de peixe. Não quero só um prato, quero variações, dá sempre para variar pescados, não precisa ser só o bacalhau”, conta.
O proprietário da Peixaria Araçá, Fábio Storti, diz que já está acostumado com as pessoas que deixam para ir às compras na última hora. “Isso é todo ano, brasileiro sempre deixa para a última hora. Mas, garanto que todos serão atendidos, a loja ficará aberta até o último da fila”, destaca.
Ele ainda conta que, este ano a procura está maior, porém o bom e velho bacalhau vem perdendo espaço para os outros peixes. Essa é a mesma situação da Peixaria Torchetti, no Bairro Aviação. A proprietária, Maria Eliza Torchetti explica que no estabelecimento a procura também é maior para outros tipos de peixes.
Ambos os estabelecimentos estavam com filas de pessoas aguardando atendimento nesta quinta-feira (18). E apesar do feriado, o funcionamento será normal até às 14h desta sexta-feira (19).

OVOS DE PÁSCOA
Assim como na procura por peixe, os ovos de páscoa também ficaram para a última hora. O gerente do Supermercado Rondon, Elvio Antônio Torquato Júnior, conta que a procura pelas guloseimas de chocolate ficaram maior no inicio desta semana, e que com isso, ele espera vender todos os ovos.
Mesmo com um aumento na procura por ovos de chocolate, assim como no caso do bacalhau, esse tipo de guloseima vem perdendo espaço para as caixas de bombons, barras de chocolates comuns e barras de cobertura, que são utilizadas para a fabricação de ovos de páscoa artesanais.
“Em comparação com o mesmo período do ano passado, este ano tivemos um faturamento melhor, e isso se deve a venda de caixas de bombons, chocolates para coberturas e outros tipos de chocolates”, explica.
O gerente ainda conta que o mercado irá fazer uma promoção com os ovos de chocolates para que não haja sobra para o estoque. O mercado irá funcionar até às 18h desta sexta-feira.
E para quem ainda não garantiu nada para esse feriado, nesta página é possível conferir o que abre e fecha neste fim de semana de feriado.

Comment here