Araçatuba

Eleitor sofre parada cardíaca e morre minutos antes de votar em escola da região

Durante todo o domingo (28), a votação do segundo turno da eleição presidencial e para o governo do estado foi marcado por tranquilidade em Araçatuba e região. Diferentemente do primeiro turno, nenhum crime eleitoral foi registrado dessa vez.
Logo cedo, muitos eleitores preferiram votar para evitar filas. No maior colégio eleitoral de Araçatuba, na escola estadual Professor Manoel Bento da Cruz, o esquema de segurança foi reforçado. O local continha 24 urnas eletrônicas.
A segurança foi feita por policiais militares, civis e federais. O transporte de promotores e juízes eleitorais, que visitavam os locais de votação, também ocorreu sob escolta policial. Segundo apurou a reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL, nenhum crime foi registrado durante o período de votação.
Após o término da votação, as urnas foram levadas até o Cartório Eleitoral de Araçatuba. Segundo Carlos Cotrim, chefe da 299ª zona eleitoral de Araçatuba, apenas dois aparelhos tiveram que ser substituídos por problemas mecânicos.

REGIÃO
Na região, apenas uma ocorrência foi registrada. Em Santa Fé do Sul, um eleitor de 64 anos morreu após sofrer uma parada cardíaca quando se preparara para ir até a cabine de votação da escola Agnes Rondon Ribeiro.
Equipes do Resgate, do Corpo de Bombeiros, foram acionadas e encaminharam a vítima até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do município, mas ela não resistiu e morreu algumas horas depois.

Vitor Moretti
Araçatuba

Comment here