Compartilhe esta notícia!

REDAÇÃO – ARAÇATUBA

As Brigadas Contra o Aedes aegypti, equipes de servidores municipais da Prefeitura de Araçatuba que agem na vigilância e controle do Aedes aegypti em prédios municipais têm intensificado suas as ações.
Os membros de cada uma das 30 brigadas atuam sempre às sextas-feiras. A vigilância e o controle do Aedes aegypti em prédios públicos têm por objetivo reduzir ou eliminar o risco de proliferação do mosquito nessas edificações e diminuir o risco de ocorrências de casos de doenças transmitidas pelo inseto.
A proposta de criação das brigadas foi apresentada pela Sucen (Superintendência de Controle de Endemias) e Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) ao Comitê de Mobilização Institucional Contra o Aedes, que é formado por representantes das secretarias municipais de Araçatuba.
A criação dessas brigadas foi oficializada em junho deste ano e ocorre acordo com o decreto estadual nº 62.130 de 29 de julho de 2016, que relata “deverão ser criadas, em todos os órgãos e entidades da administração direta, indireta e fundacional, equipes de trabalho denominadas ‘Brigada contra o Aedes aegypti’, composta de no mínimo três servidores”.
“A intensificação é necessária neste momento para que possamos eliminar todos os recipientes que estão ao relento, antes que o período de chuvas chegue com força total. Semanalmente, os brigadistas monitoram todos os lugares que possam acumular água parada nas partes externas e internas dos locais”, explica Tânia Suto, agente técnica de saúde da Sucen (Superintendência de Controle de Endemias).


Compartilhe esta notícia!
Mostrar mais
Carregar mais em Araçatuba

Veja também

Araçatuba está preparada para novo coronavírus, garante Secretaria de Saúde

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA Todas as unidades de Saúde de Araçat…