Compartilhe esta notícia!

O presidente da Fehosp (Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes do Estado de São Paulo) e da CMB (Confederação das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas), Edson Rogatti, esteve ontem à tarde em Araçatuba para visita de trabalho à Santa Casa. Rogatti foi recebido pelo provedor Carlos Joaquim Rodrigues, pelo diretor técnico Sérgio Smolentzov e vários diretores. O ex-deputado federal e ex-ministro da Cultura, Roberto Freire (PPS) o acompanhava à visita.
Durante reunião, o trabalho de Edson Rogatti à frente das entidades foi enaltecido. “Acompanho há muitos anos a Federação das Santas Casas. A história da federação pode ser dividida entre antes e depois do Rogatti”, disse o diretor técnico Sérgio Smolentizov.
O presidente da federal, Edson Rogatti, falou das iniciativas adotadas na busca de solução para os graves problemas enfrentados pelos hospitais filantrópicos. Ele citou a linha de crédito anunciada pelo governo pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), mas afirmou que é preciso ir além. Rogatti destacou o trabalho que é feito na Santa Casa de Araçatuba e falou que sempre cita este trabalho como exemplo quando visita outras instituições. “Recomendo que venham conhecer o que estão fazendo aqui”, disse o presidente da Fehosp.
Ao falar sobre os problemas das entidades, Fábio Blaya Martinês falou da importância do Programa Santa Casa Sustentável, do governo estadual, mas lamentou o subfinanciamento da saúde, o que compromete toda a estrutura.
Após a reunião, os visitantes conheceram o Hospital do Rim e outros setores da Santa Casa.

DA REDAÇÃO
Araçatuba


Compartilhe esta notícia!