Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ANDRADINA

O secretário de Administração de Andradina, Antônio Sérgio da Fonseca Filho, afirmou que os representantes do Grupo JBS (Friboi), Guilherme Motta (presidente da Divisão de Couros) e Jérson do Nascimento Júnior (diretor de suprimentos da América do Sul), que estiveram recentemente com a prefeita Tamiko Inoue, confirmaram planos da empresa em expandir os negócios em Andradina com duas novas plantas, uma anexa ao complexo industrial já existente e outro em área às margens da Marechal Rondon. Juntos, os novos empreendimentos podem gerar 2 mil postos de trabalho.

Os diretores da JBS estavam em viagem para a cidade de Pedra Preta (MT) e decidiram fazer uma escala em Andradina exatamente para reafirmar a informação dos planos  de investimentos. “O agendamento do encontro foi feito diretamente pelos diretores com a prefeita Tamiko Inoue. Eles ligaram no celular da prefeita”, disse o secretário Sérgio Fonseca.

“Eles vieram na verdade confirmar as tratativas iniciais de estabelecer no município de Andradina uma nova planta. Não uma planta de alimento propriamente dito. E sim uma planta de continuidade do processo seletivo, que é a planta de um curtume. Eles têm na cidade de Lins uma parte do processo e estão procurando uma nova instalação parta fazer os procedimentos iniciais do curtume, como curtimento do couro e seu alvejamento, deixando-o pronto para o preparo. Pronto para o seu desempenho”, disse Sérgio Fonseca.

Segundo o secretário, a princípio escolheram Andradina por estar bem situada e localizada e pelo bom relacionamento que o governo municipal mantém com o grupo JBS. “Todas as nossas tratativas anteriores, como a questão do auxílio que a gente mantém com o SIF (Serviço de Inspeção Federal). Todo incentivo que existe por parte do município para manter o estabelecimento do Friboi na nossa cidade. Mantiveram contato, trouxeram um croqui prévio do que eles precisam para se instalarem no município de Andradina. Precisam de uma área de aproximadamente 20 hectares, com boa visibilidade, com fácil acesso, próxima às rodovias Marechal Rondon e Euclides de Oliveira Figueiredo, trazendo na realidade o desejo, que o município, por meio de seus programas de desenvolvimento de indústrias possa na verdade disponibilizar”, acrescentou o secretário de Administração.

De acordo com Sergio Fonseca, há uma conversa prévia quanto a uma situação específica de áreas que o município está em busca para que possa na verdade fazer a instalação. “O município participa principalmente pela geração de empregos. Além do matadouro propriamente dito, que é a pretensão, já se encontra a unidade em ampliação, onde há uma promessa de gerar pelo menos mais mil empregos já na própria unidade do JBS que já é atualmente existente  na questão da industrialização da carne perante a empresa Swift, que tem a sua sede no município de Andradina. Este seria um novo empreendimento, um novo ramo da JBS que seria a questão do couro”, enfatizou o secretário.

O secretário disse que os representantes do JBS ficaram entusiasmados com a apresentação da Lei de Incentivo (Prodesan – Programa de Desenvolvimento de Andradina), que foi premiada pelo Sebrae, pela forma como oferece estímulo do município ao empreendedor. “Dessa forma, ficaram de fazer um projeto prévio conforma exige a legislação para nos encaminhar, dizendo das necessidades que a JBS tem para que o município provavelmente entrará com a questão da área para que o empreendimento possa realmente sair do papel”, acrescentou Fonseca.

Quanto à geração de empregos no curtume, o secretário afirmou que são mais de 400 empregos diretos, já que o projeto prevê o processamento de mais de 2 mil peles por dia, vindo parte de Mato Grosso do Sul e parte das próprias unidades da JBS de Lins e de Andradina, que são na verdade o produto que tem alto valor agregado para a indústria automobilística e para a indústria de produção de gelatinas.

“Ficaram de retornar em um futuro muito breve para apresentação do projeto para que possamos conseguir uma área para eles para estarem se instalando”, finalizou o secretário Sérgio Antônio Fonseca, reafirmando a disposição da JBS em investir em unidades em Andradina.

a7 ENCONTRO


Compartilhe esta notícia!