Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES -ANDRADINA

A procura pelo Centro de Atendimento Covid-19 em Andradina triplicou neste mês em relação ao mês passado. A informação foi passada pelo assessor especial da saúde da prefeitura de Andradina, Hygor Grecco. Segundo ele, a onda de contágio está se aproximando perigosamente da cidade e este é o momento para a população redobrar os cuidados.

Em conversa exclusiva com a reportagem do SRC, Hygor Grecco cita a cidade de Araçatuba, localizada a 110km de Andradina, como epicentro da doença na região e afirma que o momento atual é delicado. “Estamos em um momento delicado. Hoje nós temos Araçatuba em um cenário muito perigoso, com muitos internados, lá os leitos chegaram a 100% de ocupação. Unimed também tem muitos internados, então a gente fica na preocupação dessa onda chegar também para Andradina”, alertou.

Hygor Grecco coordena o Centro de Atendimento Covid-19 em Andradina, que, segundo ele, triplicou o seu atendimento. O local é específico para que pessoas com síndromes gripais e sintomas como tosse, febre e falta de ar, procurem atendimento e funciona 24h por dia.

O espaço funciona na esquina das ruas Mato Grosso e 13 de Maio, em um local anexo à Santa Casa, em uma parceria do hospital com a prefeitura. “As pessoas estão procurando mais. A gente vê em números que, do mês passado, está havendo quase o triplo de procura no Centro de Atendimento Covid. A gente entende que é um momento seco, tempo frio, e isso pode contribuir para a propagação do vírus. É bom a população estar sempre alerta para que não haja contágio”, disse o coordenador do local.

A orientação é para que as pessoas não procurem as Unidades Básicas de Saúde ou a Unidade de Pronto Atendimento do município quando tiver sintomas de coronavírus. “O Centro de Atendimento Covid é a centralização dos atendimentos do município. A gente pede que as pessoas que tiverem síndrome gripal ou suspeita, vão até lá”, orientou.

Recusa aos testes

Segundo Hygor Grecco, o local está realizando testes de covid-19 nas pessoas com suspeita da doença. Alguns têm recusado o teste e os casos estão sendo notificados ao Ministério Público. “Tem algumas pessoas que recusam o teste. É triste uma notícia dessa, mas vem sendo comunicado o Ministério Público e o Judiciário dessas negativas”, afirmou.

O teste realizado é o PCR, em parceria com o Laboratório São Paulo e o Instituto Adolfo Lutz. O tempo de espera para o resultado é de até 8 dias, segundo Hygor Grecco. “A Vigilância Epidemiológica vem aumentando sua sensibilidade para testar todos que estiverem lá. O município vem bancando os exames para aumentar o máximo possível a testagem”, afirmou.

Cuidados

O assessor especial da saúde de Andradina ainda recomendou que as pessoas dobrem os cuidados para diminuir o contágio e evitar a propagação maior do vírus no município.

De acordo com Hygor Grecco, esta será a única forma de Andradina conseguir reabrir o seu comércio sem nenhuma restrição. “Pra gente conseguir que o comércio reabra totalmente é fundamental neste momento a gente conter a sua propagação. A gente pede a toda população que se cuidem, cuidem do próximo, usem a máscara, usem o álcool em gel, e principalmente, não saiam de suas casas. Essa é uma maneira da gente conter a propagação do vírus”, completou. (Colaborou Gustavo Trevisan)

Centro de Atendimento Covid-19


Compartilhe esta notícia!