Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ANDRADINA

A secretaria municipal de saúde de Andradina divulgou que conseguiu imunizar contra a gripe 100% da população acima de 60 anos no município. Segundo informações da pasta, todos os idosos já estão vacinados contra o vírus Influenza e a gripe H1N1. Ao todo, Andradina já aplicou 15.825 vacinas.

A campanha nacional de vacinação contra a gripe começou mais cedo em 2020. Desde o dia 23 de março, os grupos prioritários começaram a receber a imunização em três fases, sendo que os idosos estavam na primeira fase dos trabalhos.

Para a secretária adjunta de saúde de Andradina, Jane Martins, a antecipação foi importante por conta da pandemia do novo coronavírus. Segundo ela, com a vacinação fica mais fácil identificar os sintomas da covid-19. “Ela (a campanha) geralmente começa a acontecer em maio e junho, e esse ano começamos em março por conta do novo coronavírus. E queríamos que ficasse separado o que é a Influenza, os seus sintomas, embora sejam muito semelhantes, dos sintomas da covid. Então, o cidadão que foi imunizado, se apresentasse algum desses sintomas já poderia ter um olhar mais atencioso para covid-19”, explicou.

Além da vacinação comum ocorrida nas unidades básicas de saúde, equipes da pasta em Andradina visitaram residências nas áreas urbana e rural do município em busca daqueles idosos que não têm condições de se deslocar até uma UBS. “Feito todo esse trabalho, casa a casa, área rural, nós temos a satisfação de informar que todos os nossos idosos, todo o grupo foi atingido com sucesso, 100% deles”, comemorou Jane Martins.

Atualmente a campanha, que foi prorrogada até o dia 30 de junho, está na terceira fase, onde são vacinadas gestantes, puérperas (mulheres que tiveram bebê há menos de 45 dias) e crianças de 6 meses a 6 anos de idade. Também estão sendo vacinadas pessoas de 55 a 59 anos, portadores de deficiência, agentes de segurança, profissionais de saúde, professores do ensino básico e superior, caminhoneiros e motoristas de transporte coletivo.

Segundo a secretária adjunta, a meta é atingir pelo menos 90% de cada grupo prioritário. Ela ainda lembra, que haverá doses, após o final da campanha, nas UBSs de Andradina também para a população em geral, que não faz parte de nenhum destes grupos. “Depois do final da campanha, ainda doses ficam nas unidades. A população em geral que não pertence a nenhum grupo, pode procurar a unidade de saúde de sua referência, do seu bairro, e procurar as profissionais que vão aplicar a sua dose”, explicou.

A vacinação ocorre das 7 da manhã às 5 da tarde, de segunda à sexta-feira, nas UBSs do município, localizadas no Jardim Europa, Santa Cecília, Benfica, Vila Mineira e na área central de Andradina. A vacinação está sendo feita do lado de fora das unidades, respeitando orientações preconizadas pela OMS para prevenção ao contágio do novo coronavírus. (Colaborou Gustavo Trevisan)


Compartilhe esta notícia!