Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ANDRADINA

No Dia do Assistente Social (15 de mai), a prefeita de Andradina, Tamiko Inoue, promulgou lei moderna e mais avançada para o setor. Trata-se da lei 3761/20 que dispõe sobre a Política Pública de Assistência Social do Município Andradina e cria o Sistema Único de Assistência Social em âmbito municipal.
Tamiko entregou o documento ao diretor Proteção Especial, Thiago Agenor e a gestora dos Programas de Transferência de Renda, Daniele Catarino da Rocha Lopes. Participaram também a secretária de Promoção e Assistência Social, Luciane Malheiro Dourado, de Administração, Antonio Sérgio da Fonseca Filho, além da assessora Sandra Regina.
A nova legislação, que segue orientações das esferas Federal e Estadual, dá maior autonomia para o exercício de políticas públicas da pasta de Assistência Social. Os principais mecanismos de fiscalização, de formulação e controle passam a ser de âmbito local.
“Podemos a partir de agora captar mais recursos junto ao Governo Federal e Estadual”, comenta Tamiko destacando que também foi garantido o direito da população ter acesso aos Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e Cras (Centro de Referência de Assistência Social), independente de quem esteja no Governo, passando a ser uma política de Estado.
A minuta da Lei, que, teve origem no Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), aumenta os benefícios sociais e os técnicos ganharam uma ferramenta de atuação mais eficiente para executar seu trabalho de forma autônoma no interesse da população.


Compartilhe esta notícia!