Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ANDRADINA

No período de 24 de julho a 9 de agosto serão realizados os Jogos Olímpicos de Tóquio, com cinco novas modalidades esportivas – beisebol (e softbol, versão feminina do esporte), escalada, karatê, surf e skate. E neste domingo, a partir das 7 horas, será realizado em Andradina o 1º Open Street Skate. O evento, idealizado e promovido pelo SRCTV, transcende a questão esportiva do skate e pode transformar-se em referência regional dos esportes. A competição, com estrutura de grande espetáculo, foi planejada exatamente para estimular a prática do esporte em toda a região.

As disputas vão ser desenvolvidas das 7 às 18 horas, na pista municipal, ao lado do Ginásio Municipal de Esportes Agenor Francisco da Cunha. Para tanto, a pista foi recuperada e pintura e a parte elétrica foi readequada para atender à demanda, já que no local foi instalada praça de alimentação com várias opções. Além disso, estão programadas várias atrações artísticas. Está prevista, também, a presença de tatuadores e grafiteiros. “Var ser um domingo diferente para a população de Andradina e cidades da região”, disse o presidente do SRC, Nivaldo Franco Bueno.

Para levar adiante a proposta de um evento diferenciado, o SRCTV teve o apoio da Prefeitura de Andradina, por meio das secretarias de Obras, Mobilidade Urbana, Esportes e Lazer e Saúde. Uma ambulância ficará no local com equipe de paramédicos para atender possíveis ocorrências. As ruas das imediações serão interditadas para que as pessoas tenham acesso facilitado ao recinto. A Polícia Militar também vai manter policiamento contínuo. Tudo para garantir a segurança e conforto de quem estiver no local, competidores e expectadores.

 

COMPETIÇÃO

As disputas ocorrerão em períodos distintos. Na parte da manhã será a categoria mirim. A previsão é de que a competição termine antes das 11 horas. Em seguida será desenvolvido rápido cerimonial e premiação dos melhores da categoria. Após o almoço entram na pista os atletas das categorias iniciante e depois amador. A final deve ocorrer após as 17 horas e em seguida, a solenidade de premiação dos vencedores. Vão atuar como juízes os profissionais Leo Spanguero e Mário Marques, da Confederação Brasileira de Skate. A narração será feita por Fernando Juruna. Mário Marques, um dos mais conhecidos skatistas do país, deverá fazer uma apresentação especial, como atração à parte.

Os organizadores definiram que além de troféus, os vencedores terão outros prêmios. Na categoria amador, o vencedor vai ganhar R$ 600,00; na categoria iniciante o prêmio é de R$ 300,00 e na mirim, o prêmio é em material esportivo.

O SRCTV, que promove o evento esportivo, vai transmitir as provas ao vivo. As emissoras de rádio do SRC em Andradina darão ampla cobertura ao evento, assim como o jornal O LIBERAL REGIONAL e o portão lr1.com.br.

 

 

HISTÓRIA

O skate começou a ser praticado na década de 1950, na Califórnia, nos Estados Unidos, por surfistas. Cansados de esperar ondas, decidiram criar um esporte, de prancha, mas sem a água. Os surfistas decidiram pegar as rodinhas de skates (patins) e colocaram em uma madeira que tinha um formato parecido com uma prancha. Inicialmente o esporte foi chamado de sidewalk surfing (surf de calçada) e em pouco tempo se espalhou por todo os Estados Unidos. A partir de 1963, com o esporte sendo bastante praticado e ter suas próprias manobras e estilos, o nome mudava para Skateboarding, apelidado apenas de skate, como é conhecido atualmente.

 


Compartilhe esta notícia!