Andradina

Diácono Luiz Henrique será ordenado nesta sexta-feira em Andradina

A Diocese de Araçatuba terá, a partir da noite de sexta-feira (22) mais um padre. A ordenação sacerdotal do diácono Luiz Henrique dos Santos Carreira ocorrerá a partir das 20h na Paróquia Nossa Senhora das Graças, em Andradina, igreja na qual o futuro ordenado iniciou sua caminhada pastoral e vocacional.
A solenidade será presidida pelo bispo diocesano d. Sérgio Krzywy, que por orientações da Igreja, tem a autoridade de ministrar o sacramento da Ordem, destinado aos diáconos, presbíteros e bispos. A ordenação ocorrerá ainda com a concelebração de padres da Diocese de Araçatuba e de outros bispados, conforme convite do diácono, que tem 32 anos e entrou no seminário em 2010.
“O primeiro ano no seminário, que se chama propedêutico, foi realizado no seminário São José, em Araçatuba. Em seguida, na cidade de Marília, fui residente por três anos, durante o curso de Filosofia no Seminário Provincial Sagrado Coração de Jesus e depois, no curso de Teologia, residi quatro anos no Instituto Teológico Rainha dos Apóstolos, também em Marília”, afirma Carreira, que cumpre seu diaconato na Paróquia São Benedito e São Cristóvão, em Birigui.
O diácono escolheu como lema de ordenação a passagem da carta de Carta de São Paulo aos Coríntios “Tornei-me tudo para todos” (Cf. I Cor 9,22b). Conforme ele, a opção se deu como identificação de sua vocação sacerdotal. “Nessa passagem, São Paulo expressa sua máxima liberdade em responder ao chamado que o próprio Cristo lhe fez para anunciar o Evangelho, fazendo-se servo de todos, a fim de ganhar para Deus o maior número possível. Lema este, que eu pude rezar e identificar-me muito com ele desde o tempo do processo formativo, de modo que assim espero poder contribuir para com a Igreja de Cristo, e ainda mais, creio ser isto o que Deus mesmo espera de mim, do ministério que a Igreja irá conceder-me”.

JUVENTUDE
Carreira tem por reconhecimento público o trabalho com os setores da juventude da Diocese, sendo o assessor desse segmento, que engloba grupos de jovens de todas as paróquias das 19 cidades do bispado. “Me identifico neste serviço de evangelização em meio à juventude, pois foi assim a minha história vocacional: de um jovem inserido na comunidade eclesial, que conseguiu ouvir a voz de Deus no dia a dia da caminhada de fé”, relembra.

PERMANÊNCIA
O diácono, ao ser ordenado, vai continuar servindo a Paróquia São Benedito e São Cristóvão, dando especial atenção à Paróquia Nossa Senhora das Graças, em Santópolis do Aguapeí. Carreira será vigário das duas paróquias ao lado do pároco padre Lauro Lopes da Silva.

DA REDAÇÃO
Andradina

Comment here