AndradinaCidades

Águas Castilho investe em tecnologia para controle de perdas de água

DA REDAÇÃO – CASTILHO

Uma novidade acaba de chegar para ajudar os colaboradores da Águas Castilho, uma das concessionárias da Iguá Saneamento, a controlar de forma mais precisa as perdas de água na cidade. Trata-se do “Fluid” – um sistema que usa sensores e inteligência artificial para detectar vazamentos em redes de distribuição de água. Cerca de 4,5 mil imóveis da cidade já foram avaliados e o plano da concessionária prevê a aplicação dessa tecnologia em 100% do município.
Como um ouvido biônico, essa inovação, criada pela Stattus4, é capaz de descobrir vazamentos ou fraudes por meio da vibração das tubulações. O sistema funciona da seguinte maneira: o colaborador coloca a haste em contato com o hidrômetro por 15 segundos, registra o ruído e envia para um sistema de inteligência em nuvem que extrai da amostra coletada 79 características diferentes para classificá-las – porque nem sempre um ruído diferente significa vazamento, às vezes, é só um problema no hidrômetro.
Segundo a gerente operacional da Águas Castilho, Mirian Sampaio, essa tecnologia, pioneira na região, chega para reforçar ainda mais o trabalho consistente que a empresa realiza para diminuir as perdas de água no município.
Esa tecnologia reforça e complementa as análises realizadas com o Geofone, um instrumento que serve para escutar ruídos na terra, utilizando a prospecção do som através do eco. Com base em um trabalho sistemático, hoje, o índice de perdas registrado em Castilho é de aproximadamente 25%. A média do Brasil, segundo dados do SNIS (Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento), é de 36,7%. “Já alcançamos um dos menores índices do país e o nosso objetivo é diminuir ainda mais”, diz Mirian.
Para Marília Lara, diretora da Stattus4, ver uma cidade como Castilho investindo em inovação é motivador. “Nosso objetivo é contribuir com as empresas para acabar com a escassez de água nos municípios brasileiros e um dos primeiros passos é diminuir o índice de perdas”, explica.
A Stattus4 é uma das empresas ganhadoras do Iguá Lab. A iniciativa realizada em 2018 pela Iguá Saneamento, em parceria com o BrazilLAB e a Aceleradora Organica, selecionou startups com soluções direcionadas aos desafios enfrentados por empresas do setor de saneamento.

 

 

Comment here