Compartilhe esta notícia!

As forças de segurança de Mato Grosso do Sul realizaram a maior apreensão de drogas do país: 33,3 toneladas de maconha apreendidas pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira) durante a deflagração da Operação Hórus. O prejuízo estimado para o crime é de cerca de R$ 50 milhões

A reportagem apurou que a apreensão ocorreu na quarta-feira (26), em Maracaju. A droga estava em um caminhão bitrem que seguia por uma estrada vicinal que dá acesso à MS-166. Dois homens que batiam a estrada para o motorista do caminhão foram presos.

Os policiais realizavam ações da Operação Hórus e durante patrulhamento pela MS-166 avistaram um caminhão com placas de Maracaju, tracionado com semirreboques bi caçamba, que seguia no sentido contrário em uma estrada vicinal, sendo que ao perceber a presença do DOF o motorista tentou fazer uma manobra para entrar em uma estrada transversal.

Os policiais deram ordem de parada ao condutor do caminhão que não obedeceu e não conseguindo concluir a manobra de fuga, abandonou o veículo e fugiu a pé por uma mata existente no local. Em vistorias ao veículo os policiais localizaram centenas de fardos de maconha nas caçambas dos semirreboques.

Atrás do caminhão vinha um Ford KA, cor branca, também com placas de Maracaju, que tinha como motorista um homem de 25 anos e outro de 45 anos como passageiro. O veículo foi abordado pelos policiais do DOF e os ocupantes além de apresentarem nervosismo excessivo, não conseguiram apresentar uma versão convincente para a presença naquele local. Em vistorias ao veículo os policiais localizaram um rádio comunicador oculto no painel e, os suspeitos acabaram por confessar que batiam a estrada para avisar o condutor sobre a presença da polícia.

Os acusados foram presos e encaminhados junto com os veículos, os semirreboques e a droga para a sede da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), onde foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e por desenvolverem clandestinamente atividade de telecomunicação.

APREENSÃO HISTÓRICA

A apreensão realizada pelo DOF é a maior já registrada no Brasil. O recorde anterior, também registrado em Mato Grosso do Sul, era da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal, que em ação conjunta apreenderam 28 toneladas de maconha, no mês de maio deste ano, em uma estrada entre Tacuru e Iguatemi.

O governador de Mato Grosso do Sul elogiou a atuação das equipes policiais. “Parabenizo os policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) que, em trabalho conjunto com a Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça, realizaram a maior apreensão de drogas do país. Foram 33,3 toneladas de maconha tiradas de circulação durante a operação Hórus, causando um prejuízo de mais de R$ 50 milhões às organizações criminosas. Quando unimos esforços, protegemos as nossas fronteiras e o nosso país”.

 

Já em sua conta no Twitter, o ministro da Justiça, André Mendonça, também destacou a apreensão. “Parabenizo os policiais e a Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso do Sul pela apreensão recorde de 33 toneladas de maconha. O Programa VIGIA do @JustiçaGovBr seguirá dando todas as condições para que as forças de segurança possam combater o crime organizado nas fronteiras”.


Compartilhe esta notícia!