Compartilhe esta notícia!

Dois pescadores fugiram de uma abordagem da Polícia Militar Ambiental depois de serem flagrados pescando com a utilização de meios não permitidos no Montante da Usina Hidrelétrica de Três Irmãos, no Braço Travessa Grande, em Pereira Barreto. Uma perseguição chegou a ter início nas águas e os suspeitos chegaram a fundar o próprio barco.

A reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL apurou que os policiais ambientais estavam em patrulhamento náutico pela cidade quando abordaram dois pescadores em uma embarcação retirando redes de pesca. Durante a vistoria, as equipes perceberam que os objetos estavam dispostos em um cordão único com metragem superior ao permitido, ou seja, 3.700 metros com malha de 80 milímetros e 1,30 metros de altura.

No percorrer do registro da ocorrência, os suspeitos fugiram. A partir de então, uma perseguição teve início pelas águas da Travessa Grande. Ao chegarem a um local conhecido como Córrego do Frigorífico, os investigados afundaram o próprio barco com a intenção de esconder a embarcação e se esquivar das penalidades administrativas. A dupla conseguiu fugir e até o fechamento dessa edição não tinha sido localizada.

AJUDA DOS BOMBEIROS

O barco não chegou a afundar completamente. Por conta de toda essa situação foi necessário apoio das equipes do Corpo de Bombeiros para fazer a remoção. Todos os objetos foram apresentados na delegacia de Pereira Barreto para fins investigativos a partir de agora.

A Polícia Ambiental elaborou infrações aos dois pescadores por pescar mediante a utilização de método não permitido. O caso será investigado.

 


Compartilhe esta notícia!