Home Cidades Operador é preso com munição após não entregar armas por determinação do Exército

Operador é preso com munição após não entregar armas por determinação do Exército

2 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

Um operador de máquinas, de 55 anos, foi preso na manhã dessa sexta-feira (22) por posse ilegal de munição. O flagrante foi realizado por policiais civis do GOE/DEIC, no bairro Jardim Etemp, na zona norte de Araçatuba.

 

Segundo informações apuradas pela reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL, as equipes tomaram conhecimento de um ofício do Exército Brasileiro, onde o suspeito foi notificado para se desfazer de suas armas de fogo, munições e outros produtos controlados.

 

Isso porque o certificado de registro foi cassado pela perda de idoneidade. Diante dessa situação, a polícia solicitou mandado de busca e apreensão na residência do investigado, que foi autorizado pela Justiça e cumprido nas primeiras horas da manhã.

 

Na vistoria no interior do imóvel, as equipes localizaram seis cartuchos íntegros de calibre 38 e outros 13 deflagrados. Em depoimento, o autor disse ter tomado conhecimento a respeito da notificação do Exército, mas não tomou nenhuma atitude em relação a isso.

 

Ele informou, também, que duas armas foram apreendidas em outra ocorrência por violência doméstica, ameaça e calúnia. O homem foi levado até a Central de Polícia Judiciária, onde foi apresentado ao delegado plantonista. Ele permaneceu preso, à disposição da Justiça. Os objetos foram apreendidos e seriam periciados. Um inquérito será aberto para dar continuidade às investigações.

 

 


Compartilhe esta notícia!