Compartilhe esta notícia!

Um cobrador de 23 anos foi preso na noite de quinta-feira (26) ao ser flagrado com um revólver de calibre 32 e diversos objetos de origem duvidosa, incluindo um relógio de pulso que foi furtado recentemente de uma residência localizada no bairro Nova Iorque, em Araçatuba.

Segundo informações do boletim de ocorrência, policiais militares da Força Tática faziam patrulhamento pela rua Paranapanema quando avistaram um  veículo VW/Golf. As equipes já tinham informações de que aquele carro estaria participando de furtos e roubos na cidade. Diante disso, a polícia deu ordem de parada ao motorista, mas ele não obedeceu e tentou fugir em alta velocidade.

O automóvel só foi abordado na rua Jarbas Barros Galvão, no bairro Jussara. Em revista pessoal, os PMs localizaram a arma de fogo na cintura do indiciado. A numeração do revólver estava raspada. Ele disse em depoimento que comprou o objeto para defesa pessoal. Indagado a respeito de furtos, o homem confessou a prática de um deles em uma rua do bairro Nova Iorque, mas revelou que já havia se desfeito dos objetos, ficando apenas com um relógio de pulso.

Os policiais foram até a residência do homem, que fica na rua Antonio Floriano Petia, também no bairro Jussara, e lá encontraram o relógio, além de vídeo game, óculos de sol e outros objetos de origem suspeita. O rapaz recebeu voz de prisão em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e foi levado até a delegacia, onde continuou detido, à disposição da Justiça.

Uma bancária de 39 anos compareceu até a Central de Flagrantes e reconheceu o relógio como de sua propriedade. Os outros aparelhos foram apreendidos para averiguação. A Polícia Civil abriu inquérito para dar andamento às investigações do caso.


Compartilhe esta notícia!
Mostrar mais
Carregar mais em Cidades

Veja também

Governo de São Paulo lança plano hospitalar para enfrentar novo coronavírus

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – SÃO PAULO O governador João Doria, o secretári…