Evento reúne produtores para promover o agronegócio nos bairros rurais

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

Mais de 40 produtores rurais de Araçatuba, entre eles várias lideranças, se reuniram na Associação dos Produtores Rurais da Divisa para discutirem projetos de desenvolvimento do setor para os próximos anos. O encontro foi organizado pela Prefeitura de Araçatuba em parceria com o Sebrae-SP e a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI).
O objetivo das entidades é levar informações que contribuam para o sucesso do agronegócio, através de reuniões, palestras e cursos nos bairros rurais de Araçatuba. Neste primeiro momento, os organizadores explanaram como realizar a gestão e o planejamento estratégico para suas propriedades, linhas de créditos, aprimoramento de técnicas produtivas, comercialização, compras públicas, oportunidades de mercado para o seu negócio e as possibilidades de ganho com a união dos produtores no bairro.
Esteve presente o soldado Fernando, representando a Polícia Militar, que está tratando da melhoria da segurança pública no campo através do Programa Vizinhança Solidária.
O assessor executivo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Agroindustrial (SMDA), Arnaldo Vieira Filho, falou do compromisso feito pelo prefeito Dilador Borges com os produtores. “Existe um plano de governo no qual será cumprido. A administração quer estar próxima do produtor, atender as demandas e trazer novidades e tecnologia para o campo e fortalecer o associativismo”.
De acordo com o consultor do Sebrae-SP Aldo Fernandes, a previsão é realizar encontros quinzenais. “As associações interessadas em receber o evento podem nos procurar para viabilizar essa ação. O objetivo é levar informação e mostrar a importância da capacitação para o sucesso do negócio”, destaca.
Os produtores presentes pontuaram que essa iniciativa é muito importante para eles, principalmente por ter um caráter mais estratégico. Entre os pedidos está a solicitação de como implementar a nota fiscal eletrônica em suas propriedades.

O primeiro evento contou com a presença do secretário da SMDA, Marcelo Mazzei, e seu assessor executivo, Arnaldo Vieira Filho (Dindo); secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Petrônio Pereira Lima; representantes da Cati, Claudio Baptistella e João Kauche; do consultor do Sebrae-SP, Aldo Fernandes; do presidente e do diretor da Associação da Divisa, Alberto Figueiredo e José Antônio Ribeiro, respectivamente.
As quatro entidades envolvidas se reunirão na próxima semana para avaliar o primeiro encontro e elaborar um plano de ações que possa condizer com o interesse dos produtores.
O segundo encontro já foi marcado para o dia 10 de outubro às 18h30, na Associação da Divisa, localizada na Estrada Vicinal Antônio Rossi, 12.

 

você pode gostar também