NELORES DE DESTAQUE SÃO JULGADOS DURANTE A EXPÔ

No período de 6 a 8 de julho, n a 59ª Exposição Agropecuária de Araçatuba, aconteceram os julgamentos dos bovinos da raça nelore. A atividade foi coordenada pela Casa do Nelore de Araçatuba, com o apoio da Associação Paulista dos Criadores de Nelore (APCN) e Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB).
Os animais foram julgados por João Augusto de Faria, jurado da Associação Brasileira de Criadores de Zebu (ABCZ). Ele avaliou nos bovinos o padrão que deve ser seguido pela raça, incluindo o desenvolvimento, peso, desempenho, a precocidade sexual aliado à carcaça e o rendimento. “O animal tem que ter os membros perfeitos, que também chamamos de aprumos, para poder andar e reproduzir. Então, quando é escolhido o melhor animal, é considerado o fato de que ele está em sua forma ideal “, explica o jurado.
Ele também destaca a evolução dos bovinos: “O gado nos anos anteriores tinha uma maior representatividade pela quantidade, mas agora o número de cabeças diminuiu e a qualidade aumentou. O gado está em um melhoramento genético muito grande, estamos muito melhores”.
Segundo a zootecnista e executiva da Casa do Nelore há 11 anos, Daniele Marques de Almeida, os animais que estiveram no julgamento de Araçatuba têm grande chance de participar da pista da Expoinel, em setembro, que acontece em Uberaba-MG. “Ela é a exposição mais importante do Nelore do Brasil e um desses animais pode ser o grande campeão nacional”, informa Daniele. Foram julgados 77 animais, de 12 expositores.

DA REDAÇÃO
Araçatuba

 

você pode gostar também